Eterno Amanhecer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eterno Amanhecer
Álbum de estúdio de Exaltasamba
Lançamento 1992[1][2]
Estúdio(s) Camerati SP - 24 Canais[3]
Gênero(s) Samba e Pagode
Duração 34 Minutos
Idioma(s) Português
Formato(s) CD,[1] LP, K7,[3] Digital download
Gravadora(s) Kaskata's Records[1]
Direção Carlinhos Kaskatas
Carlos Roberto
Wagner Santos
Produção Ritmo Quente
Arranjos Maestro Jobam
Cronologia de Exaltasamba
Encanto
(1994)
Singles de Eterno Amanhecer
  1. "Quero Sentir de Novo"

Eterno Amanhecer é o primeiro álbum de estúdio do grupo brasileiro de samba e pagode Exaltasamba, que foi lançado nos formatos fita cassete, disco de vinil e em CD em 1992. antes de lançar este álbum o Exaltasamba em 1991 apareceu somente com a música "Deixa Como Está" no disco Choppapo, a principal música do álbum Eterno Amanhecer é "Quero Sentir de Novo",[4] esta canção foi composta pelo Péricles (vocalista do grupo) com Juninho,[5] o álbum e tem a participação do sambista Royce do Cavaco na música "Cartilha do Amor", o álbum tem dez faixas, mas devido alguns pot-pourris faz o álbum ter no total 13 músicas. O álbum foi gravado no estúdio Camerati SP - 24 Canais, teve a direção artística de Carlinhos Kaskatas, a direção executiva de Carlos Roberto e Wagner Santos, produção fonográfica de Ritmo Quente e arranjos e regência de Maestro Jobam.[3]

Faixas[editar | editar código-fonte]

Faixas do CD[editar | editar código-fonte]

  1. "Quero Sentir de Novo" (composição Péricles e Juninho).
  2. "Por Um Amor Tão Lindo" (composição Lula, Luíz Pintor e Jairo).
  3. Chuva Danada (composição Carica e Vicente)/Canavial (composição de Juninho, Salgadinho e Dal)
  4. Bem Súbito (composição Péricles)
  5. Bar Da Esquina (Jorge Aragão e João Batista de Alcantara)/Doce Refúgio (composição de Luíz Carlos da Vila)/Seja Sambista Também (composição de Arlindo Cruz e Sombrinha)
  6. Eterno Amanhecer (composição Péricles)
  7. Cartilha Do Amor (Part. Royce do Cavaco) (composição Royce do Cavaco e Paulo Onça)
  8. Firma Teu Cavalo (Mario Sérgio, Marquinho Satá e Adilson Victor)
  9. Luz Do Meu Pensar (Cleber Augusto e Djalma Falcão)
  10. Angola Nagô (composição Luíz Pintor, Lula e Jairo)[2]

Faixas do disco de vinil (LP)[editar | editar código-fonte]

Lado A
  1. "Quero Sentir de Novo" (composição Péricles e Juninho).
  2. "Por Um Amor Tão Lindo" (composição Lula, Luíz Pintor e Jairo).
  3. Chuva Danada (composição Carica e Vicente)/Canavial (composição de Juninho, Salgadinho e Dal)
  4. Bem Súbito (composição Péricles)
  5. Bar Da Esquina (Jorge Aragão e João Batista de Alcantara)/Doce Refúgio (composição de Luíz Carlos da Vila)/Seja Sambista Também (composição de Arlindo Cruz e Sombrinha)
Lado B
  1. Eterno Amanhecer (composição Péricles)
  2. Cartilha Do Amor (Part. Royce do Cavaco) (composição Royce do Cavaco e Paulo Onça)
  3. Firma Teu Cavalo (Mario Sérgio, Marquinho Satá e Adilson Victor)
  4. Luz Do Meu Pensar (Cleber Augusto e Djalma Falcão)
  5. Angola Nagô (composição Luíz Pintor, Lula e Jairo)[3]

Equipe[editar | editar código-fonte]

Formação do grupo Exaltasamba[editar | editar código-fonte]

Músicos participantes[editar | editar código-fonte]

  • Breno: Violão de sete cordas e banjo
  • Brucutu: Congas
  • Fábio Canela: Baixo
  • Fredy: Surdo
  • Luizinho 7 Cordas: violão de sete cordas na música "Bem Súbito"
  • Maestro Jobim: Violão
  • Mario Testoni Jr.: Teclados
  • Mokita: Pandeiro
  • Péricles: Banjo
  • Pinha: Repique
  • Serginho: Pandeiro
  • Toca Martins: Bateria
  • Thell: Surdo
  • Tortinho: Pandeiro[3]

Outras pessoas[editar | editar código-fonte]

  • Produtor fonográfico: Ritmo Quente
  • Direção executiva: Carlos Roberto e Wagner Santos
  • Direção artísticas: Carlinhos Kaskatas
  • Produtor fonográfico: Ritmo Quente
  • Arranjos e regências: Maestro Jobam
  • Técnicos de gravação: Wladimiir Gonzella e Júlio
  • Técnico de mixagem: Claudio Lucci[3]

Notas e referências

  1. a b c «Exaltasamba - Discografia». Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Consultado em 17 de julho de 2015 
  2. a b «Eterno Amanhecer». Clique Music. Consultado em 17 de julho de 2015 
  3. a b c d e f g «Contracapa do álbum Eterno Amanhecer». Exaltasamba e Kaskata's Records. 1992. Consultado em 5 de dezembro de 2016 
  4. «Grandes atrações encerram programação social dos festejos da padroeira dos marítimos». O Mossoroense 
  5. «Péricles: "Procuro ser o mais romântico possível" - Edição 690 (29/11/2013)». Revista Quem. 7 de dezembro de 2013. Consultado em 5 de dezembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Exaltasamba é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.