Euclides Pereira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Euclides Pereira
Informações
Nome
completo
Euclides Pereira
Nascimento 07 de maio de 1941 (78 anos)
Currais Novos,  Rio Grande do Norte, Brasil
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Outros nomes Diabo Louro
Altura 1,75 m
Peso 72 - 78 kg
Graduação     dan (faixa preta) em BJJ
Período em
atividade
1958 - 1985
Página oficial:

Euclides Pereira (Currais Novos, 07 de maio de 1941) é um ex-lutador brasileiro de Jiu jitsu e Vale-tudo.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Euclides Pereira começou a lutar em 1958 e lutou 530 vezes sem jamais perder. Com apenas 72 kg, subjugou oponentes com quase o dobro do peso. Pela TV Ringue Torre fez mais de 100 lutas sem jamais ser derrotado. O programa acabou em 1966. Em Salvador, na Bahia ele fez a sua luta mais épica. Enfrentou, em 1969, Carlson Gracie, considerado o melhor do Brasil na época. O embate lotou a Fonte Nova, sinal de que o vale-tudo já arrastava multidões. Foram seis rounds de cinco minutos, e o Diabo Louro quase nocauteou Carlson Gracie, terminado á luta vencendo por pontos.[2]

O mais perto que se viu de uma derrota foi em 1979, já com 37 anos, no duelo contra Rei Zulu. Quase desistiu quando sofreu um estrangulamento, mas conseguiu se livrar e derrotou o adversário aplicando uma gravata. Euclides Pereira não era conhecido por escolher seus oponentes (como alguns de seus contemporâneos), nem tampouco aumentar suas estatísticas com vitórias fáceis, venceu lutadores como Ivan Gomes, Waldemar Santana e Takeo Yano terminando sua carreira invicto.[3]

Referências

  1. [1] O Globo - História das lutas: TV Ringue Torre no papel de embrião do MMA - maio de 2017.
  2. [2] Jornal do Commercio - Euclides Pereira, o maior de todos - maio de 2017.
  3. [3] Euclides Pereira – The Greatest MMA Fighter You Have Never Heard Of. - maio de 2017.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Globo Esporte DF: Conheça Euclides Pereira, a lenda dos tempos do Vale Tudo