Eugene Botkin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eugene Botkin
Nascimento 27 de maio de 1865
Tsarskoye Selo
Morte 17 de julho de 1918 (53 anos)
Ecaterimburgo
Sepultamento Catedral de Pedro e Paulo
Cidadania Império Russo, Rússia bolchevique
Progenitores Pai:Sergey Botkin
Cônjuge Olga Botkina
Filho(s) Tatiana Botkina, Gleb Botkin
Alma mater Academia Médica Militar S. M. Kirov
Ocupação médico
Prêmios Ordem de Santa Ana, 2.ª classe, Ordem de Santo Estanislau, 3.ª classe, Ordem de São Vladimir, 3.ª classe, Ordem de São Vladimir, 2ª classe
Religião Igreja Ortodoxa
Causa da morte fuzilamento

Yevgeny Sergeivich Botkin, também conhecido como Dr. Eugene Botkin (Tsarskoye Selo, 27 de março de 1865 – Ecaterimburgo, 17 de julho de 1918) foi o médico da corte do czar Nicolau II e da czarina Alexandra Feodorovna. Enquanto esteve no exílio com a família, geralmente tratou das crises de hemofilia do czarevich Alexei.[1]

Botkin foi para o exílio com os Romanov a seguir à Revolução Russa de 1917, e foi assassinado com a família em Ekaterimburgo a 17 de julho de 1918. Como eles, foi canonizado como neomártir pela Igreja Ortodoxa Russa no exílio, em 1981.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Dr. Eugene Botkin (1865-1918)». Alexander Palace Time Machine. Consultado em 12 de julho de 2019