Ex-Libris Portugueses

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ex-Libris Portugueses


Ex Libris Portugueses, revista ilustrada com estampas[1], contendo divisas de bibliófilos[2], bibliotecas e Instituições.

Fundada por A. J. Tavares e Amadeu de Castro e Sola[3], Conde de Castro e Sola e editada em vários volumes por A. J. Tavares 1916 — 1927.

Historial[editar | editar código-fonte]

Revista heráldica ilustrada, fundada em 1916, para divulgação da heráldica portuguesa associada em especial à bibliofilia, com várias reproduções de Ex Libris[4], super-livros, divisas, assinaturas e respectivas notas explicativas.

Publicada entre 1916 e 1927, com tiragem de 200 exemplares, por volume, para divulgação e estudo da Genealogia e Heráldica Portuguesa.

Revista sob a direcção de Amadeu de Castro e Sola e Henrique de Campos Ferreira Lima e com colaboração dos Senhores: Conde de Azevedo, Conde da Folgosa, António Sardinha, Albino Forjaz de Sampaio, João Lúcio de Azevedo e outras personalidades.

Obras Publicadas[editar | editar código-fonte]

  • CASTRO E SOLA, Conde de & LIMA, Henrique de C. Ferreira: Revista de EX-LIBRIS Portugueses, A. J. Tavares, I a VI Vol., Porto 1916 — 1927

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]