Expedição 32

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Expedição 32
Insígnia da missão
Estatísticas da missão
Espaçonave Soyuz TMA-04M
Soyuz TMA-05M
Número de tripulantes 6
Início 1 de julho de 2012
Término 16 de setembro de 2012
Duração 123 dias
Imagem da tripulação
Da esq. p/ dir.Hoshide, Malenchenko, Williams, Acaba, Padalka e Revin.
Da esq. p/ dir.
Hoshide, Malenchenko, Williams, Acaba,
Padalka e Revin.
Navegação
ISS Expedition 31 Patch.png Expedição 31
Expedição 33 ISS Expedition 33 Patch.svg

Expedição 32 foi uma missão de longa permanência na Estação Espacial Internacional, iniciada em 1 de julho de 2012, após a desacoplagem da nave Soyuz TMA-03M, levando de volta à Terra os integrantes da Expedição 31. Continuaram na ISS os astronautas e cosmonautas Gennady Padalka, Joseph Acaba e Sergei Revin, em órbita desde 14 de maio, para lá transportados na Soyuz TMA-04M.

A Expedição começou de maneira plena após a chegada dos outros três integrantes, lançados do Cosmódromo de Baikonur em 14 de julho, na Soyuz TMA-05M.[1] e encerrou-se em 16 de setembro de 2012 com o desacoplamento da TMA-4 da ISS. O cosmonauta russo Padalka foi o comandante da Expedição.

Tripulação[editar | editar código-fonte]

Missão[editar | editar código-fonte]

Em julho, pouco antes da chegada dos três outros astronautas da expedição na Soyuz TMA-05M, o comandante Padalka e o engenheiro de voo Revin participaram de um teste médico russo chamado SPRUT-2, que investiga a distribuição e o comportamento dos fluidos do corpo humano em gravidade zero.[2]

Depois do lançamento no dia 15 de julho, a nave Soyuz acoplou-se com o módulo Rassvet da ISS às 04:51 (UTC) de 17 de julho, seguindo-se a abertura das escotilhas entre a nave e o módulo, e a recepção de boas-vindas feitas pela tripulação da ISS aos novos integrantes da expedição.[3]

A missão realizou duas caminhadas espaciais para manutenção externa da estrutura da estação. Foram realizadas mais de 240 experiências científicas, envolvendo os campos de física e biologia, desenvolvimento de novas tecnologias e observação da Terra, incluindo um experimento japonês, um habitat aquático para peixes em observação na microgravidade.[4]

Depois de 123 dias, a Expedição 32 encerrou-se com a troca de comando e com a desacoplagem da Soyuz TMA-04 em 16 de setembro, levando de volta à Terra os astronautas Padalka, Acaba e Revin, pousando às 06:53 (hora de Moscou) do dia 17 de setembro, nas estepes do Casaquistão, a 80 km da cidade de Arkalyk.[5]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Expedition 32». NASA. Consultado em 2 de julho de 2012 
  2. «New Crew Members Set For Launch Saturday». NASA. Consultado em 14 de julho de 2012 
  3. «Expedition 32 Crew Expands to Six». NASA. Consultado em 19 de julho de 2012 
  4. «Mission Summary» (PDF). NASA. Consultado em 17 de setembro de 2012 
  5. «Expedition 32 Lands Safely in Kazakhstan». NASA. Consultado em 17 de setembro de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]