Extra (jornal do Rio de Janeiro)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Extra (jornal do Rio de Janeiro)
Periodicidade diário
Formato standard
Sede Rio de Janeiro, RJ
Slogan A informação que você escolheu
Fundação 1998
Fundador(es) Renato Maurício Prado
Presidente Fred Kachar
Diretor Maurício Lima
Editor Octavio Guedes
Circulação 135 mil (julho 2015)
Capa do jornal em 2 de março de 2011.

Extra é um jornal brasileiro, da cidade do Rio de Janeiro [1] [2]. Fundado em abril de 1998 pela Infoglobo (também com O Globo).

O Jornal tornou-se rapidamente uns dos mais vendidos. Fechando 2010 com uma evolução de 12,97%, chegando a ter 302.697 exemplares vendidos. Com o sucesso nas bancas cariocas, o Extra ganha uma versão online (Extra Online). O site foi reformulado contendo páginas temáticas, e logo conseguiu o sucesso também na rede, com 6 Milhões de visitantes. O Extra hoje é um dos poucos jornais voltados para o sexo feminino, sendo 57% mulheres e 43% homens. Liderando na faixa etária de 30 a 50 anos.

O Extra é formado por 3 cadernos (Extra, Jogo Extra e Sessão Extra), tratando de assuntos diferentes. 1º Caderno - Brasil, Bizarro, Economia, Tecnologia e Educação - 2º Caderno Jogo Extra - Rio 2016 e Campeonato Carioca - 3º Caderno Sessão Extra - Televisão, Cinema, Show e Vida Moderna - Além do cadernos diários o Extra tem cadernos semanais.

Domingo: Extra Imóvel - Ofertas, serviços e dicas. Domingo: Extra Bem Estar - Saúde, educação e relacionamentos familiares. Terças Feiras: Extra Vida Ganha - Emprego, negócios e oportunidades.

Colunistas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação ou jornalismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.