Fátima (Tocantins)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Fátima
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Fundação 14 de maio de 1982
Gentílico fatimense
Prefeito(a) Washington Luiz Vasconcelos (PSD)
(2017–2020)
Localização
Localização de Fátima
Localização de Fátima no Tocantins
Fátima está localizado em: Brasil
Fátima
Localização de Fátima no Brasil
10° 45' 39" S 48° 54' 25" O10° 45' 39" S 48° 54' 25" O
Unidade federativa  Tocantins
Mesorregião Ocidental do Tocantins IBGE/2008 [1]
Microrregião Rio Formoso IBGE/2008 [1]
Região metropolitana Palmas
Municípios limítrofes Oliveira de Fátima, Porto Nacional, Brejinho de Nazaré, Santa Rita do Tocantins e Cristalândia
Distância até a capital 132 km
Características geográficas
Área 382,908 km² [2]
População 3 882 hab. IBGE/2016[3]
Densidade 10,14 hab./km²
Clima Tropical seco Aw
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,698 médio PNUD/2000 [4]
PIB R$ 28 397,716 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 6 924,58 IBGE/2008[5]
Página oficial
Prefeitura www.fatima.to.gov.br
Câmara www.fatima.to.leg.br

Fátima é um município brasileiro localizado no estado do Tocantins.

História[editar | editar código-fonte]

A cidade de Fátima foi criada no dia 14 de maio de 1982 e instalada como município em 1 de janeiro de 1983, e está localizada a 126 km da capital do estado, Palmas. Sua criação remonta ao ano de 1947, com a chegada na região de Manoel Martins dos Santos e de José Regino de Brito, reconhecidos como pioneiros. Suas propriedades rurais foram atingidas com o novo traçado da BR-153 (Rodovia Belém Brasília), e a constante passagem de tropas, cargas e carros advindos de várias localidades fizeram concentrar um número significativo de estabelecimentos comerciais e consequentemente, de moradores. As primeiras moradias eram simples: casas cobertas com palha e paredes de pau-a-pique ou adobe. Mas com o volume crescente, Fátima desenvolveu-se e ganhou notoriedade. A necessidade de uma escola logo se fez sentir e foram os moradores os construtores da primeira instituição de ensino do povoado, ficando a cargo da prefeitura de Porto Nacional a manutenção da mesma. Com isso, mais pessoas se aglomeravam em torno da Escola a fim de subsidiar os estudos, e, de povoado nas margens da Rodovia Belém-Brasília, Fátima tornou-se distrito do município de Porto Nacional em 24 de abril de 1964. O município veio a ser criado no dia 14 de maio de 1982 e instalado no dia 1° de janeiro de 1983, com a posse de João Inácio Ferreira, que foi o primeiro prefeito do município. A origem do nome é uma homenagem a padroeira do município, Nossa Senhora de Fátima. Quem nasce no município de Fátima, é considerado como fatimense.

Infraestrutura urbana[editar | editar código-fonte]

Transportes[editar | editar código-fonte]

O município de Fátima é servido pela rodovia federal BR-153 (a qual é o principal meio de acesso ao município), e pela rodovia estadual TO-255. A Ferrovia Norte-Sul também passa por dentro do território do município, ao leste da BR-153. Os aeroportos com operações de voos comerciais que ficam localizados mais próximos de Fátima, são respectivamente: o Aeroporto de Gurupi, que fica situado a 117 km de distância da cidade, e o Aeroporto de Palmas, que fica situado a 125 km de distância da cidade.

Distâncias rodoviárias[editar | editar código-fonte]

Distâncias rodoviárias a partir de Fátima:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Cidades Fátima». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 02 de janeiro de 2017  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do Tocantins é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.