Fórmula 3000 Internacional

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Fórmula 3000 Internacional foi uma categoria de monolugares que existiu de 1985 a 2004[1], substituindo o Campeonato Europeu de Fórmula Dois por esta estar se tornando demasiado custosa. Os carros da categoria utilizavam motores de três litros (3000 cc). Era utilizada como uma categoria de acesso à Fórmula 1 e foi substituída pela GP2 Series (atual Campeonato de Fórmula 2 da FIA).

Campeões[editar | editar código-fonte]

Ano Piloto Equipe / Carro Poles Vitórias Pódiuns Voltas
Rápidas
Pontos
1985 Alemanha Ocidental Christian Danner BS Automotive
March-Cosworth
2 4 7 4 52
1986 Itália Ivan Capelli Genoa Racing
March-Cosworth
3 2 6 1 39
1987 Itália Stefano Modena Onyx
March-Cosworth
0 3 4 1 41
1988 Brasil Roberto Moreno Bromley Motorsport
Reynard-Cosworth
3 4 4 1 43
1989 França Jean Alesi Eddie Jordan Racing
Reynard-Cosworth
2 3 4 1 39
1990 França Érik Comas DAMS
Lola-Mugen
3 4 6 1 51
1991 Brasil Christian Fittipaldi Pacific Racing
Reynard-Mugen
4 2 7 1 47
1992 Itália Luca Badoer Crypton Engineering
Reynard-Cosworth
5 4 5 3 46
1993 França Olivier Panis DAMS
Reynard-Cosworth
2 3 4 2 32
1994 França Jean-Christophe Boullion DAMS
Reynard-Cosworth
0 3 4 1 36
1995 Itália Vincenzo Sospiri Super Nova Racing
Reynard-Cosworth
0 3 5 0 42
1996 Alemanha Jörg Müller RSM Marko
Lola-Zytek
2 2 8 4 52
1997 Brasil Ricardo Zonta Super Nova Racing
Lola-Zytek
4 3 5 4 39
1998 Colômbia Juan Pablo Montoya Super Nova Racing
Lola-Zytek
7 4 9 5 65
1999 Alemanha Nick Heidfeld West Competition
Lola-Zytek
4 4 7 6 59
2000 Brasil Bruno Junqueira Petrobras Junior Team
Lola-Zytek
2 4 5 1 48
2001 Reino Unido Justin Wilson Nordic Racing
Lola-Zytek
2 3 10 1 71
2002 França Sébastien Bourdais Super Nova Racing
Lola-Zytek
6 3 8 3 56
2003 Suécia Björn Wirdheim Arden International
Lola-Zytek
5 3 9 7 78
2004 Itália Vitantonio Liuzzi Arden International
Lola-Zytek
9 7 9 3 86

Estatísticas da Fórmula 3000[editar | editar código-fonte]

Detalhes Números
Número de pilotos 366 pilotos
Número de corridas disputadas 206 provas
Pilotos campeões que subiram da F-3000 para a Fórmula 1 15 dos 19 campeões (78,94%)
Número de circuitos que receberam a F-3000 32 circuitos
Pilotos com mais vitórias Vitantonio Liuzzi, Juan Pablo Montoya e Nick Heidfeld (7 vitórias)
Pilotos com mais GPs disputados Marco Apicella (52) e Fabrizio Gollin (47)
Pilotos com maior número de poles-positions Juan Pablo Montoya (10), Vitantonio Liuzzi (9), Tomáš Enge, Sébastien Bourdais (8),
Roberto Moreno (7) e Nick Heidfeld (6)
Pilotos que fizeram mais voltas mais rápidas Nick Heidfeld (9), Juan Pablo Montoya (8), Tomáš Enge, Giorgio Pantano e Björn Wirdheim (todos com 7)
Pilotos com mais pódios Nick Heidfeld (14), Juan Pablo Montoya e Tomáš Enge (empatados com 8)
Maiores pontuadores Nick Heidfeld (117), Tomáš Enge (111]], Giorgio Pantano, Björn Wirdheim (107 pontos)
e Juan Pablo Montoya (102,5)
Circuito que mais recebeu a categoria Circuito de Silverstone (19 no total)
País com maior número de pilotos Itália (92 pilotos)
País com menor número de pilotos 15 países: Chile (Eliseo Salazar), Colômbia (Juan Pablo Montoya), Hungria (Zsolt Baumgartner), Indonésia (Ananda Mikola), Israel (Chanoch Nissany), Macau (André Couto, que é português de nascimento), Malásia (Alex Yoong), Mónaco (Olivier Beretta), Nova Zelândia (Mike Thackwell), Noruega (Thomas Schie), Rússia (Viktor Maslov), San Marino (Christian Montanari), Turquia (Can Artam), Uruguai (Gonzalo Rodríguez) e Venezuela (Ernesto Viso)
Provas disputadas fora da Europa 2 GP's do Brasil, em 2001 e 2002
Mulheres que disputaram provas da Fórmula 3000 Cathy Muller (francesa, inscrita em 6 corridas, largou em 4 - 2 em 1986 e outras 2 em 1988), Ellen Lohr (alemã, inscrita para um GP em 1990, não se classificou) e Giovanna Amati (italiana, inscrita em 31 corridas, largou em 14 entre 1987 e 1988 e entre 1990 e 1991)
Número de pilotos brasileiros 31 (Mário Haberfeld, Ricardo Maurício, Ricardo Sperafico, Bruno Junqueira, Max Wilson, Roberto Moreno, Antonio Pizzonia, Rodrigo Sperafico, Maurício Gugelmin, Ricardo Zonta, Enrique Bernoldi, Gil de Ferran, Jaime Melo, Pedro Paulo Diniz, Tarso Marques, Marcelo Battistuzzi, Rubens Barrichello, Cristiano da Matta, Christian Fittipaldi, Alex Sperafico, Marco Campos, Ricardo Rosset, Constantino Júnior, Marco Greco, Marcos Gueiros, Sérgio Paese, Rodrigo Ribeiro, Alexandre de Andrade, Paulo Carcasci, Maurizio Sandro Sala e Norio Matsubara)
Corridas em que pelo menos um brasileiro esteve no grid 169 provas (86,22% do total)
Piloto brasileiro com mais poles-positions Roberto Moreno, com 7 poles
Piloto brasileiro com mais voltas mais rápidas Ricardo Zonta, com 6 voltas mais rápidas
Piloto brasileiro com maior número de pódios Ricardo Sperafico, que obteve 12 pódios
Brasileiros que conquistaram o título Roberto Moreno (1988), Christian Fittipaldi (1991), Ricardo Zonta (1997) e Bruno Junqueira (2000)
Brasileiros que mais venceram Roberto Moreno, Ricardo Zonta e Bruno Junqueira, com 5 vitórias
Mortes 1, com o brasileiro Marco Campos, no GP da França de 1995. Este foi também o único acidente fatal na história da categoria.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Automobilismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.