Fúrias Femininas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

As Fúrias Femininas são um grupo fictício de vilãs da DC Comics. Trata-se de uma divisão militar formada somente por mulheres e comandada pela Vovó Bondade. Todas as mulheres das outras divisões militares de Apokolips sonham em entrar para as Fúrias. Criadas por Jack Kirby, primeira aparição em Mister Miracle #6 (Fevereiro 1972).

Integrantes[editar | editar código-fonte]

  • Mad Harriet- ela é uma das mais rápidas, ela usa garras de metal como arma.
  • Lashina- Ela possui um chicote e é sua arma de apoio, geralmente atacando a distancia.
  • Stompa- a mais forte fisicamente do grupo, usa botas de "matéria pesada" que podem causar tremores.
  • Guillotina possui duas laminas de apoio.

Ex-integrantes[editar | editar código-fonte]

Poderes[editar | editar código-fonte]

Todas as Fúrias tem força e resistência sobre-humanas. Como todos os da raça dos Novos Deuses, elas são imortais.

Atualidade[editar | editar código-fonte]

As Fúrias Femininas faleceram na saga chamada "A Morte dos Novos Deuses", as batalha mais conhecida das Fúrias é quando Kara Zor-el, Super-Moça, é capturada por Darkseid e forçada a ser a líder das fúrias, Mulher Maravilha e Grande Barda, vão até o coliseu de Apokolips, onde é feito o teste para se tornar a nova líder, onde o objetivo é derrotar as outras Fúrias todas ao mesmo tempo, coisa que poucas guerreiras conseguem fazer, de acordo com Vovó Bondade, Mulher Maravilha seria a melhor líder das Fúrias, por ser uma guerreira Eximia, que junto com Barda derrotaram as 4 Fúrias, porem Mulher Maravilha teve mais participação na batalha, Barda foi abatida e Capturada, Mulher Maravilha consegue salva-la e derrota Vovó Bondade, Guillotina, conseguiu deixar Bernadet caída por um tempo mas ela levanta-se depois para pegar Barda, e derrota também Mad Harriet, a unica que Barda derruba completamente é Stompa, e depois de Mulher Maravilha ter vencido Bernadet, ela consegue faze-la inconsciente.