FC Luch-Energiya Vladivostok

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Luch Vladivostok
Nome Football Club Luch-Energiya Vladivostok
Alcunhas Raio
Fundação 1958 (56 anos)
Estádio Dynamo Stadium
Capacidade 10.500
Localização Vladivostok,  Rússia
Presidente Rússia Aleksandr Kostenko
Treinador Rússia Sergey Pavlov
Competição Segunda Divisão Russa
Divisão 2011 Segunda Divisão Russa, 12º lugar
Website Site oficial
Kit left arm.png Kit body mtelaviv1112h.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
titular
Kit left arm mtelaviv1112a.png Kit body mtelaviv1112a.png Kit right arm mtelaviv1112a.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
alternativo
editar

FC Luch-Energiya Vladivostok - em Russo, Футбольный клуб "Луч-Энергия" Владивосток - é um clube de futebol da cidade de Vladivostok, no extremo-leste da parte asiática da Rússia.

Foi fundado em 1958. Manda suas partidas no Dynamo Stadium, em Vladivostok, com capacidade para 10.500 torcedores. As cores do uniforme são amarelo e azul.

História[editar | editar código-fonte]

O Luch-Energiya foi fundado em 1958 como "FC Vladivostok", já que o nome "Energiya" foi incorporado após uma parceria firmada com a Dalenergo, empresa fornecedora de energia elétrica, desde 2003.

No começo, o time auri-anil disputava torneios do extremo leste da antiga URSS na Divisão B. Disputou a competição até 1965 quando a venceu e, consequentemente, conseguiu a promoção para a Divisão A. Porém não passava desse nível, pois as ligas regionais do leste do maior país do mundo não eram reconhecidas até então pela Federação Soviética de Futebol. Tal fato só veio acontecer em 1972 e o campeonato passou a valer pelo grupo leste da Segunda Liga Soviética, á época equivalente à 3ª Divisão Nacional.

Em 1992, um ano após a dissolução da União Soviética, os clubes foram reagrupados nas diversas divisões do futebol local e o Luch foi designado para disputar a Primeira Liga, correspondente ao 2º nível do nascente futebol russo. Logo na primeira temporada, o "Raio", como o clube é conhecido, venceu a disputa e pela primeira vez em sua história disputaria a Premier League russa ao longo de seus 35 anos de existência. Mas a alegria em competir contra os grandes clubes russos durou pouco: na sua temporada de estréia na elite do futebol russo, foi rebaixado à 2º Divisão. Após 3 anos claudicantes na Primeira Liga, o Luch foi rebaixado novamente à terceira divisão, o que levava a crer que seria o fim do sonho do desenvolvimento de seu futebol.

A ressurreição do Luch veio após a já citada parceria com a Dalenergo em 2003, quando ainda perambulava pelo grupo leste da Segunda Liga. Nesta mesma temporada, com o aporte financeiro da companhia elétrica, conseguiu conquistar o título da competição e retornou à segunda divisão russa.

Na temporada 2005, o clube, agora rebatizado Luch-Energiya, finalmente consegue o retorno à principal divisão nacional. Em 2008, após 3 anos disputando o certame, sua patrocinadora anunciou que estava passando por dificuldades financeiras, o que atingiu diretamente o rendimento da agremiação, que precisou rapidamente negociar seus principais nomes, culminando com o rebaixamento na última colocação.

Estádio[editar | editar código-fonte]

O estádio onde o Luch-Energiya manda as suas partidas é o Dynamo Stadium, com capacidade para abrigar 10.500 torcedores. Uma curiosidade é que o estádio do Luch está a impressionantes 6.430 km de Moscou, ou 7h horas de voo, ou também 15 horas de trem pela ferrovia Trans-Siberiana. A dificuldade para chegar ao Dynamo Stadium é tão grande que o goleiro do CSKA, Igor Akinfeyev, declarou que seria melhor o Luch disputar a Liga Japonesa devido à proximidade com a "Terra do Sol Nascente" (1050 km). Na ocasião, o CSKA sofreu uma surpreendente derrota por 4 a 0, após enfrentar 14 horas de voo (7h de ida e volta).

Plantel[editar | editar código-fonte]

Goleiros
Jogador
1 Rússia Aleksandr Kotlyarov
16 Rússia Denis Kniga
33 Rússia Aleksei Stepanov
Defensores
Jogador Pos.
3 Rússia Igor Udaly Z
5 Croácia Matija Kristić Z
14 Argentina Javier Almirón Z
17 Rússia Pavel Mogilevskiy Z
27 Rússia Dmitriy Tikhiy Z
32 Rússia Aslan Zaseev Z
34 Ucrânia Andrey Ushenin Z
35 Ucrânia Dmytro Semochko Z
Meio-campistas
Jogador Pos.
4 Rússia Roman Slavnov M
6 Turquemenistão Wýaçeslaw Krendelýow M
8 Rússia Yuri Gazinskiy M
15 Rússia Alan Kusov M
18 Rússia Georgi Bazayev M
20 Ucrânia Maksim Fyodorov M
22 Rússia Beslan Adzhindzhal M
30 Ucrânia Denys Dedechko M
44 Rússia Sergey Shapovalov M
88 Rússia Stanislav Reznikov M
Atacantes
Jogador
9 Rússia Dmitriy Vasilyev
11 Rússia Aleksandr Tikhonovetsky
12 Rússia Igor Strelkov
25 Rússia Aleksandr Alkhazov
29 Rússia Karen Oganyan
77 França Jonathan Béhé
99 Brasil Diego Carlos
Comissão técnica
Nome Pos.
Rússia Sergey Pavlov T

Principais jogadores[editar | editar código-fonte]

Links[editar | editar código-fonte]