FKA Twigs

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
FKA Twigs
FKA Twigs de 2015
Informação geral
Nome completo Tahliah Debrett Barnett
Nascimento 16 de janeiro de 1988 (32 anos)
Local de nascimento Gloucestershire
Inglaterra
Gênero(s)
Ocupação(ões)
  • Cantora
  • Produtora
  • dançarina
Instrumento(s) Vocal, teclado e sintetizador
Extensão vocal E3 - F6 (Mí na Terceira Oitava - Fá na Sexta Oitava)
Período em atividade 2012–presente
Gravadora(s) Young Turks
Página oficial fkatwi.gs

Tahliah Debrett Barnett[1] (nascida 16 de janeiro de 1988), conhecida pelo nome artístico FKA Twigs (estilizado como FKA twigs) é uma cantora, compositora, produtora musical e dançarina britânica.[2][3]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Tahliah Debrett Barnett, [1] nasceu em Cheltenham, Gloucestershire. Descendente de pai jamaicano e mãe inglesa, Barnett não conheceu o pai, um dançarino de jazz, até completar 18 anos[4], tendo sido criada pelo padrasto e pela mãe, que costumava trabalhar como dançarina e ginasta[5]. Cresceu em Gloucestershire o qual Barnnett descreve como "um lugar no meio do nada". [5] Ela frequentou a St Edward's School, em Cheltenham[6], uma escola católica privada. Vinda de uma família de baixa renda, sua educação foi paga através de bolsas de estudo.[7]

Aos 17 anos, mudou-se para a parte Sul de Londres para seguir carreira de dançarina. [8] Trabalhou como dançarina de apoio para videos musicas de artistas como Kylie Minogue, Plan B, Ed Sheeran, Taio Cruz, Dionne Bromfield, Jessie J e Wretch 32. [9]

Carreira musical[editar | editar código-fonte]

Twigs lançou de forma independente seu primeiro EP, intitulado "EP1", em 4 de dezembro de 2012. Ela postou um vídeo para cada faixa do EP no seu canal do YouTube. Em Agosto de 2013, twigs lançou o vídeo para o seu primeiro single, "Water Me" no YouTube. O vídeo foi dirigido por Jesse Kanda. No mesmo mês, o jornal "The Guardian" lista FKA twigs como "Nova Banda do Dia", descrevendo ela como "o melhor exemplo para o Reino Unido até agora de um R&B etéreo e único."

O segundo EP de Twigs, "EP2" foi lançado pela gravadora Young Turks em setembro de 2013. O EP foi produzido por FKA twigs e pela produtora Arca. O site de música Pitchfork deu ao EP uma nota de 8/10. Em dezembro twigs foi indicada para o prêmio da BBC "Sound of 2014" e também foi escolhida pelo Spotify para a lista "Spotlight on 2014". Twigs também apareceu na lista da Billboard "14 Artists to Watch in 2014".

Em abril de 2014, twigs apareceu na capa da revista "The Fader" para a sua 91ª edição. Depoisela dirigiu e apareceu no vídeo para a música "Ouch Ouch", pelo rapper Lucki Eck$. Ela também produziu a mesma música. O primeiro álbum de FKA twigs, "LP1", foi lançado em agosto pela mesma gravadora que lançou o "EP2", Young Turks. A revista "Time" deu ao álbum uma review positiva, falando que twigs "fez um dos mais complexos álbuns no R&B". Twigs anunciou uma tour mundial começando dia 2 de outubro no "The Dome", em Brighton, Inglaterra, e terminando dia 3 de dezembro em Orlando, Florida, no The Social. FKA twigs postou três videos no seu canal do YouTube. Um deles com o grupo de dança londrino Wet Wipez, dirigido por twigs; um remix da música "Ache", nomeado "tw-Ache"; e a música "Ouch Ouch" de Luck Eck$, também produzida por twigs. O álbum de twigs LP1 foi uma das nomeações no Mercuri Prize de 2014. Em setembro, FKA twigs apresentou-se no programa de televisão "Later with Jools Holland", da BBC. Em outubro, twigs lançou o vídeo para a música "Video Girl". Twigs também fez sua primeira apresentação na tv americana no "The Tonight Show with Jimmy Fallon", em 4 de novembro.

Estilo musical e influências[editar | editar código-fonte]

FKA Twigs tem sido descrita como "pop cativante" com "vocais sussurrantes". Seu trabalho tem sido comparado ao de Tricky . Os primeiros cantores que tiveram um impacto sobre FKA foram Billie Holiday, Ella Fitzgerald e Marvin Gaye. Quando ela começou a compor canções, FKA queria reproduzir a música que ela gostava: "Todos os bits de música que eu fiz soaram como um pastiche de Siouxsie and the Banshees ou Adam Ant". Ao descrever sua arte, ela diz: "Eu não estou restringida por qualquer gênero musical que eu gosto de experimentar com sons, gerando emoções ao mesmo tempo colocando a minha voz em certos ambientes [...] Younger, eu só ouvia punk, Siouxsie and the Banshees [...] e, em seguida, eu encontrei a minha própria maneira de tocar punk. Eu gosto de sons industriais e incorporando sons da vida cotidiana como um alarme de carro." 

Voz[editar | editar código-fonte]

Twigs dispõe de uma levíssima voz de Soprano, com agilidade fluida, fácil emissão da região aguda e graves moderadamente satisfatórios para uma interprete de timbre tão doce. Segundo o Vocal Pop, sua extensão vocal é de 3 Oitavas e 1 Nota, partindo do E3 (Mí Três) e se estendendo até um F6 (Fá seis), tendo como classificação Fach mais próxima a de Jovem Soprano Lírico Coloratura, apesar de não ser de fato uma interprete de música erudita. Em suas performances ao vivo dança e movimentação significativa não é um problema para seu canto, já que Twigs é uma bailarina profissional jovem e com grande estamina, o que lhe permite trazer a sua performance maior credibilidade e virtuosismo em cena.

Prêmios [editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Discografia de FKA Twigs

Referências

  1. a b «FKA twigs complete name». Genes Reunited 
  2. Barna, Ben (11 de setembro de 2013). «FKA Twigs Factsheet: Everything We Know About the Shadowy Singer». Bullett Media. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  3. «FKA twigs: EP2 | Album Reviews». Pitchfork. 19 de setembro de 2013. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  4. «FKA twigs - Interview» 
  5. a b «Pitchfork» 
  6. «"Cheltenham songstress FKA Twigs shortlisted for prestigious music award"» [ligação inativa]
  7. Lamont, Tom. «FKA Twigs: 'I'm appealing to people who want something different'». The Guardian 
  8. Phares, Heather. «Artist Biography». AllMusic 
  9. «Interviews: FKA twigs» 
  10. «FKA twigs' New Album Magdalene Features Nicolas Jaar, Future, More». Pitchfork (em inglês). Consultado em 6 de setembro de 2019