Fa-Tal - Gal a Todo Vapor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Fa-Tal - Gal A Todo Vapor)
Ir para: navegação, pesquisa
Fa-Tal - Gal a Todo Vapor
en:File:-Fa-Tal- Gal a Todo Vapor.jpg
Álbum ao vivo de Gal Costa
Lançamento 1971
Gravação 1969-1971
Gênero(s) MPB,
rock psicodélico,
bossa nova
Duração 67:36
Gravadora(s) Philips
Produção Roberto Menescal
Cronologia de Gal Costa
Legal, (1970)
Índia, (1973)

Fa-Tal - Gal a Todo Vapor é um álbum ao vivo da cantora brasileira Gal Costa, lançado em 1971.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Sob a direção de Waly Salomão, Gal Costa estrelaria "Fatal", uma série de concertos que realizou no Teatro Tereza Raquel, no Rio de Janeiro. A turnê foi considerada pela crítica como um marco na sua carreira. O resultado destas apresentações foi compilado em um álbum duplo, que traz até ruídos e falhas do improviso. No repertório da cantora, uma miscelânea de canções que passa desde a tradição de Ismael Silva e o folclore baiano a vanguarda de Caetano Veloso e Jorge Ben. Detaques para as interpretações de "Pérola Negra" (do então novato Luiz Melodia), "Vapor Barato" (de Jards Macalé e Waly Salomão), "Como Dois e Dois" (de Caetano) e "Sua Estupidez" (de Roberto e Erasmo Carlos). Com essa série de shows e o disco com repertório gravado ao vivo, Gal recebeu a alcunha na época de musa do desbunde.

O LP, primeiro disco duplo da história da MPB, foi eleito em uma lista da versão brasileira da revista Rolling Stone como o 20º melhor disco brasileiro de todos os tempos.[1]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4 de 5 estrelas. link

Faixas[editar | editar código-fonte]

[2]

Lado 1
N.º Título Compositor(es) Duração
1. "Fruta Gogóia"   Tradicional 0:40
2. "Charles Anjo 45"   Jorge Ben 0:26
3. "Como Dois e Dois"   Caetano Veloso 2:45
4. "Coração Vagabundo"   Veloso 3:44
5. "Falsa Baiana"   Geraldo Pereira 5:34
6. "Antonico"   Ismael Silva 4:46
Lado 2
N.º Título Compositor(es) Duração
7. "Sua Estupidez"   Roberto Carlos, Erasmo Carlos 4:02
8. "Fruta Gogóia"   Tradicional 1:06
9. "Vapor Barato"   Waly Salomão, Jards Macalé 8:37
Lado 3
N.º Título Compositor(es) Duração
10. "Dê Um Rolê"   Moraes Moreira, Luiz Galvão 4:05
11. "Pérola Negra"   Luiz Melodia 4:44
12. "Mal Secreto"   Macalé, Salomão 5:02
13. "Como Dois e Dois"   Veloso 4:32
Lado 4
N.º Título Compositor(es) Duração
14. "Hotel das Estrelas"   Duda Machado, Macalé 4:30
15. "Assum Preto"   Luiz Gonzaga, Humberto Teixeira 3:49
16. "Bota a Mão nas Cadeiras"   Tradicional 1:09
17. "Maria Bethânia"   Veloso 0:44
18. "Chuva, Suor e Cerveja" (Intitulada "Não Se Esqueça de Mim" na contracapa do LP original) Veloso 1:59
19. "Luz do Sol"   Carlos Pinto, Salomão 5:22
Duração total:
67:36

Músicos[editar | editar código-fonte]

Ficha Técnica[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Os 100 maiores discos da Música Brasileira - Revista Rolling Stone, Outubro de 2007, edição nº 13, página 115
  2. «-Fa-Tal-». Gal Costa - site oficial. Consultado em 27 de junho de 2017 


Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Gal Costa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.