Fabrício Neis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tenista Fabrício Neis
País  Brasil
Data de nascimento 15 de junho de 1990 (29 anos)
Local de nasc. Porto Alegre, Brasil

Fabrício Neis (nascido em 15 de junho de 1990) é um jogador brasileiro de tênis profissional.[1] Na carreira de simples, o posto mais alto veio em 13 de maio de 2013, quando chegou ao número 449 do ranking mundial da ATP.[1] Já nas duplas, em 03 de setembro de 2016, alcançou o número 96.[1]

Trajetória Esportiva[editar | editar código-fonte]

2016[editar | editar código-fonte]

Em 2016, o gaúcho Fabricio Neis conquistou seu primeiro título de duplas de ATP Challanger Tour ao lado do também brasileiro Caio Zampieiri em torneio que foi realizado em São Paulo. Ainda em 2016, Neis ganhou mais dois títulos da categoria, além desses três títulos, ele ainda fez outras quatro finais no ano. Também em 2016, Neis joga e vence seu primeiro jogo em nível ATP Tour em Umag, ao lado do português Gastão Elias. Outro grande feito do gaúcho em 2016 foi a conquista do melhor ranking da carreira em duplas, alcançando o número 96º em 03 de setembro.

2017[editar | editar código-fonte]

Assim como em 2016, Neis alcança sete finais de duplas de ATP Challanger Tour e como no ano anterior, vence três títulos, todos ao lado do argentino Máximo Gonzalez. Outro feito importante do gaúcho no ano foram os três jogos feitos na ATP Tour, sendo dois realizados no Brasil (Brasil Open e Rio Open), ambos ao lado do carioca João Olavo Souza.

Ranking[editar | editar código-fonte]

  • Atual ranking de simples: Não tem
  • Melhor ranking de simples: 449º (13 de maio de 2013)
  • Atual ranking de duplas: 138º
  • Melhor ranking de duplas: 96º (03 de setembro de 2016)

ATP Challenger Tour[editar | editar código-fonte]

Duplas: Finais: 19 (6-13)[editar | editar código-fonte]

Finais por piso
Duro (0–0)
Saibro (6–13)
Grama (0–0)
Carpete (0–0)
Resultado No. Data Torneio Superfície Parceiro Oponente Placar
Finalista 1. 25 de setembro de 2011 Campinas, Brasil Saibro Brasil João Pedro Sorgi Uruguai Marcel Felder

Brasil Caio Zampieri

5–7, 4–6
Finalista 2. 14 de abril de 2013 Itajaí, Brasil Saibro Brasil Guilherme Clezar Austrália James Duckworth

França Pierre-Hugues Herbert

5–7, 2–6
Finalista 3. 20 de setembro de 2014 Campinas, Brasil Saibro Brasil André Ghem Argentina Facundo Bagnis

Argentina Diego Schwartzman

6–7(4-7), 7-5, 7-10
Finalista 4. 26 de setembro de 2015 Campinas, Brasil Saibro Brasil Guilherme Clezar Argentina Andrés Molteni

Chile Hans Podlipnik

6-3, 2-6, 0-10
Finalista 5. 06 de novembro de 2015 Guaiaquil, Equador Saibro Portugal Gastão Elias Argentina Guillermo Durán

Argentina Andrés Molteni

3–6, 4–6
Campeão 1. 23 de abril de 2016 São Paulo (cidade), Brasil Saibro Brasil Caio Zampieri Brasil José Pereira (tenista)

Brasil Alexandre Tsuchiya

6–4, 7-6(7-3)
Campeão 2. 21 de maio de 2016 Mestre, Itália Saibro Brasil Caio Zampieri Alemanha Kevin Krawletz

Croácia Dino Marcan

7-6(7-3), 4–6, 12–10
Finalista 6. 28 de maio de 2016 Vicenza, Itália Saibro Portugal Gastão Elias Cazaquistão Andrey Golubev

Croácia Nikola Mektic

3–6, 3–6
Finalista 7. 18 de junho de 2016 Perúgia, Itália Saibro Colômbia Nicolás Barrientos Argentina Andrés Molteni

Brasil Rogério Dutra Silva

5–7, 3–6
Campeão 3. 09 de julho de 2016 Todi, Itália Saibro Brasil Marcelo Demoliner Itália Salvatore Caruso

Itália Alessandro Giannessi

6–1, 3–6, 10-5
Finalista 8. 03 de setembro de 2016 Curitiba, Brasil Saibro Brasil André Ghem Espanha Rubén Ramírez Hidalgo

Espanha Pere Riba

7-6(7-3), 4–6, 7–10
Finalista 9. 24 de setembro de 2016 Santos, Brasil Saibro Brasil Rogério Dutra Silva Peru Sergio Galdós

Argentina Máximo González

3–6, 7–5, 12-14
Finalista 10. 24 de junho de 2017 Blois, França Saibro Argentina Máximo González Bélgica Sander Gille

Bélgica Joran Vliegen

6–3, 3–6, 7-10
Campeão 4. 07 de julho de 2017 Marburgo, Alemanha Saibro Argentina Máximo González Austrália Rameez Junaid

África do Sul Ruan Roelofse

6-3, 7-6(7-4)
Finalista 11. 15 de julho de 2017 Perúgia, Itália Saibro Argentina Nicolás Kicker Itália Salvatore Caruso

França Jonathan Eysseric

3–6, 3–6
Campeão 5. 07 de outubro de 2017 Campinas, Brasil Saibro Argentina Máximo González Brasil José Pereira (tenista)

Portugal Gastão Elias

6-1, 6–1
Finalista 12. 14 de setembro de 2017 Buenos Aires, Argentina Saibro Argentina Máximo González Uruguai Ariel Behar

Brasil Fabiano de Paula

6-7(3-7), 7–5, 8-10
Finalista 13. 20 de setembro de 2017 Cáli, Colômbia Saibro Peru Sergio Galdós El Salvador Marcelo Arevalo

México Miguel Angel Reyes Varela

3–6, 4–6
Campeão 6. 25 de novembro de 2017 Rio de Janeiro (cidade), Brasil Saibro Argentina Máximo González El Salvador Marcelo Arevalo

México Miguel Angel Reyes Varela

5-7, 6-4, 10-4

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Perfil na ATP». Associação de Tenistas Profissionais. Consultado em 18 de março de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre tênis/ténis ou tenista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.