Fabrício Viana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox warning pn.svg
Este artigo foi proposto para eliminação por consenso.

Você é encorajado a melhorar o artigo, mas não remova este aviso, o que seria considerado vandalismo, além de não afetar o processo.

Dê a sua opinião e caso ela seja transformada numa votação após uma semana, vote (se tiver direito ao voto) na discussão.

Se aprovada, a eliminação ocorrerá a partir de data não informada.


Usuário: se esta página possui arquivos de mídia que não são utilizáveis em outras páginas, adicione uma nota em WP:PER, para que um administrador lusófono do Wikimedia Commons verifique se ela se encontra no escopo do projeto.

Fabrício Darlan Viana (Blumenau, 26 de junho de 1977) é jornalista (MTB 80753/SP), escritor premiado e bacharel em psicologia.

É autor dos livros com temática LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) O Armário (sobre a homossexualidade e os processos psíquicos sobre a "entrada e saída do armário"), Ursos Perversos (contos homoeróticos), Orgias Literárias da Tribo (coletânea LGBT premiada duas vezes em 2015 e que possui dez autores) e seu recente sucesso Theus: do fogo à busca de si mesmo (romance homossexual).

Fabrício também é autor de livros de marketing, psicologia e comportamento, entre eles o A origem da Esquizofrenia (trabalho acadêmico de psicologia) e A Importância das Redes Sociais (trabalho da pós-graduação em marketing), ambos disponíveis na Amazon Brasil. Viana é conhecido no Brasil por escrever ao longo dos anos artigos e reflexões para diversos sites, jornais e revistas para o público LGBT - lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros, como a revista G Magazine, Sexy Boys, MixBrasil, entre outras.

Preocupado com as questões sociais e com o movimento homossexual brasileiro, Fabrício também foi idealizador de três projetos educativos para este público na internet (hoje, não mais disponíveis):

Em 2002 criou a Campanha contra o preconceito GLBT, que hoje se encontra desativada. Na época, ela espalhou para mais de 2.200 sites, blogs e fotologs, banners de protesto contra o preconceito, sendo lançado também na Europa pela Rede ex aequo.

Em 2003 criou o portal Armário X, com mais de 800 páginas, que inovou por esclarecer questões sobre a sexualidade e a homossexualidade

Em 2004 criou a TVTudo.com, o primeiro programa independente em banda larga para o público GLS, com mais de 60 horas de vídeo on-line, tendo recebido em 2005 o 6º Prêmio Cidadania em Respeito à Diversidade da Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo (ONG responsável pela maior parada gay do mundo).

Recentemente, Fabrício Viana criou o Congresso Nacional Online de Literatura Queer, um congresso online que une leitores, editores e pessoas apaixonadas por livros com temática LGBT.

Também presta serviços de comunicação para a ONG APOGLBT (responsável pela maior Parada LGBT do mundo), dá cursos de escrita criativa e ajuda pessoas comuns a escrever e publicarem seus livros, por meio do projeto CriandoLivros.com.br

Ligações externas[editar | editar código-fonte]