Faculdade Presbiteriana Gammon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Faculdade Presbiteriana Gammon é uma faculdade mantida pelo Instituto Presbiteriano Gammon.

Lavras, cognominada "Atenas Mineira", que Assis Chateaubriand chamou de "uma das capitais da inteligência do país", mantém cursos em nível superior desde o ano de 1908, quando o Rev. Samuel Rhea Gammon, com o decisivo apoio do Dr. Benjamim Harris Hunnicutt, criou a Escola Agrícola do Instituto Evangélico - antigo nome do Gammon - precursora da antiga ESAL, hoje Universidade Federal de Lavras. A tradição do ensino superior em Lavras é de quase um século. A cidade foi uma das primeiras a oferecer ensino superior no Brasil.

Alunos de diversas cidades de Minas Gerais e de outros Estados da federação compõem seu corpo docente que, somado ao das outras Instituições lavrenses ultrapassa o número de 6 mil estudantes somente de ensino superior e pós-graduação. Os alunos da FAGAMMON que residem em cidades distantes até 100 km, dirigem-se para Lavras diariamente em busca de sua formação profissional.

Oferece os seguintes cursos de graduação:

Além de alguns cursos de Pós Graduação.


Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre instituições de ensino superior é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.