Far and Away

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Far and Away
Horizonte Longínquo (PT)
Um Sonho Distante (BR)
 Estados Unidos
1992 •  cor •  140 min 
Direção Ron Howard
Roteiro Bob Dolman
Ron Howard
Elenco Tom Cruise
Nicole Kidman
Thomas Gibson
Robert Prosky
Género aventura
drama
romance
Idioma inglês
Receita US$ 137.8 milhões
Página no IMDb (em inglês)

Far and Away (no Brasil: Um Sonho Distante em Portugal Horizonte Longínquo) é um filme norte-americano de 1992, do gênero romance, dirigido por Ron Howard. Foi um dos três filmes em que o até então casal, Tom Cruise e Nicole Kidman, atuaram juntos.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

A trama se passa em 1892 e tem início na Irlanda. Joseph Donnelly é um jovem analfabeto que se revolta contra um poderoso proprietário de terras, por considerá-lo responsável pela morte de seu pai. Durante um duelo, uma jovem passa com uma carroça e salva a sua vida. Insatisfeitos com a vida que levavam, eles decidem partir para os Estados Unidos, atrás do sonho americano.[1]

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco principal[editar | editar código-fonte]

  • Tom Cruise .... Joseph Donnelly
  • Nicole Kidman .... Shannon Christie
  • Thomas Gibson .... Stephen Chase
  • Robert Prosky .... Daniel Christie
  • Barbara Babcock .... Nora Christie
  • Cyril Cusack .... Danty Duff
  • Eileen Pollock .... Molly Kay
  • Colm Meaney .... Kelly
  • Douglas Gillison .... Dermody[2]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Far and Away teve recepção mista por parte da crítica especializada. Com base em 19 avaliações profissionais, alcançou uma pontuação de 49/100 no Metacritic.

Em avaliações mistas, do The Boston Globe, Jay Carr disse: "Far and Away é um retrocesso para os bonitos romances históricos, mas com Hollywood​parada para os fazer, pode pelo menos dizer-se que é o mais ambicioso da maioria do que vamos ver neste verão [de 1992]."

Los Angeles Times, Kenneth Turan: "É nítido como pode ter em termos de valores de produção e fotografia panorâmica (como convém a seu orçamento de US$ 70 milhões) e como chá fraco e aguado quando se trata de pequenas coisas como o diálogo e desenvolvimento do caráter."

Em avaliações favoráveis, do Chicago Tribune, Gene Siskel disse: "Far and Away, um melodrama romântico levemente antiquado que tem muitos momentos encantadores como também embaraçosos. Muito dos charmes são fornecidos pelos próprios desempenhos sérios de Tom Cruise e Nicole Kidman."

Time, Richard Schickel: "De alguma forma, ele funciona, em parte por causa da maneira que o diretor Howard mantém os seus quadros lotados abusando com atividades, em parte por causa do grande indomável com que seus personagens principais são dotados pelos atores e pelo escritor Dolman, mas principalmente porque o filme tem chances que animam com o respectivo material."[3]

Referências

  1. «AdoroCinema». Consultado em agosto de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «Interfilmes». Consultado em agosto de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Far and Away» (em inglês). Metacritic. Consultado em 20 de abril de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]