Fatias de Tomar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

As fatias de Tomar são uma sobremesa da doçaria conventual portuguesa originária no Convento de Cristo e como o próprio nome indica são originárias de Tomar. Esta sobremesa é também conhecida como fatias da China.[1]

As Fatias de Tomar embebidas na sua calda de açúcar.

A panela que serve para as cozer foi inventada na cidade de Tomar, embora também possam ser feitas numa forma que vede bem. A referida panela tem um funil que permite juntar e verificar a água do banho-maria sem ser preciso retirar a forma e, sem parar a cozedura, o que iria fazer com que as fatias ficassem enqueijadas. Era a sobremesa favorita dos frades do Convento de Cristo.[carece de fontes?]

Panela Moderna Utilizada para fazer as Fatias de Tomar. Em Aço Inox.

Ingredientes[1][editar | editar código-fonte]

  • 24 gemas de ovos
  • 1 quilo de açúcar
  • 1 litro de água

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  1. a b Modesto, Maria de Lourdes (2012). Cozinha Tradicional Portuguesa. Lisboa: Verbo. p. 193. ISBN 978-972-22-3089-6