Faz Um

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Faz Um"
Single promocional de Claudia Leitte
do álbum As Máscaras
Lançamento 26 de junho de 2010[1]
Gênero(s) Axé
Duração 3:26
Gravadora(s) Sony Music
Composição Carlinhos Brown, Alain Tavares
Produção Mikael Mutti
Faixas de As Máscaras
Ruas Encantadas
(11)
Dum Dum
(13)

Faz Um é uma canção composta por Carlinhos Brown e Alain Tavares, sendo originalmente gravada por Claudia Leitte e lançada como segundo single promocional do álbum As Máscaras.[1] Foi trabalhada durante a temporada da Copa do Mundo FIFA 2010.[1] Leitte regravou a canção no álbum Axemusic - Ao Vivo, lançado pela Som Livre.[2] Esta última versão foi trabalhada indiretamente pela gravadora durante a Copa do Mundo FIFA 2014, chegando a incluir a canção na compilação "É Festa Brasil".[3] "Faz Um" fala sobre o prazer de torcer pelo futebol brasileiro.[1] A canção recebeu críticas positivas, sendo definida por Mauro Ferreira como uma "composição vibrante que entra em campo para animar a torcida em época de Copa".[4]. A canção também é conhecida popularmente como "Futeboleiro".[5]

Carlinhos Brown gravou a canção para o seu álbum "Vibraaasil Beats Celebration", lançado em 12 de junho de 2014.[6] Brown apresentou a canção em programas de televisão[5] e no comercial das eleições de 2014.[7]

Referências

  1. a b c d «Claudia torce pelo Brasil em ritmo de Faz Um». Claudia Leitte. Consultado em 9 de fevereiro de 2015. 
  2. «Claudia Leitte ‎– Axemusic (Ao Vivo) (DVD)». Discogs. Consultado em 9 de fevereiro de 2015. 
  3. «É Festa Brasil de Various Artists». iTunes Store. Consultado em 9 de fevereiro de 2015. 
  4. «Claudia Leitte mistura reggae, axé e rap em segundo disco». Terra. Consultado em 9 de fevereiro de 2015. 
  5. a b «Carlinhos Brown anima a manhã com seu sucesso Futeboleiro». R7. Consultado em 9 de fevereiro de 2015. 
  6. «Vibraaasil Beats Celebration de Carlinhos Brown». iTunes Store. Consultado em 9 de fevereiro de 2015. 
  7. «Campanhas publicitárias - Eleições 2014». Tribunal Superior Eleitoral. Consultado em 9 de fevereiro de 2015.