Fed Cup de 2019

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Fed Cup de 2019
Detalhes
Período 6 de fevereiro a 10 de novembro de 2019
Edição 57ª
Categoria Disputa por equipes
Organização Federação Internacional de Tênis (ITF)
Premiação total US$ 7.500.000[1]
Equipe campeã
País  França
Capitã(o) Julien Benneteau
Jogadoras Alizé Cornet
Fiona Ferro
Caroline Garcia
Kristina Mladenovic
Pauline Parmentier
Promoções
Grupo Mundial  Espanha
Grupo Mundial II  Grã-Bretanha
 Rússia
Rebaixamentos
Grupo Mundial  Bélgica
Grupo Mundial II  Itália
 Países Baixos
Prêmios (Heart Award)
Jogadoras Austrália Ashleigh Barty
Reino Unido Katie Boulter
Cazaquistão Zarina Diyas
Roménia Simona Halep
Reino Unido Johanna Konta
Brasil Carolina Meligeni Alves
2018
2020-21

A Fed Cup de 2019 (também conhecida como Fed Cup de 2019 by BNP Paribas, para fins de patrocínio) foi a 57ª edição do mais importante torneio entre equipes nacionais do tênis feminino. A final aconteceu nos dias 9 e 10 de novembro.

A partir desta edição, ficou liberada a escalação de até cinco jogadoras por equipe. Anteriormente, o máximo era quatro.

Outra mudança é o set final dos jogos, que deixa de ser longo, sendo substituído pelo tiebreak.[1]

Participantes[editar | editar código-fonte]

Essas são as equipes participantes em suas respectivas divisões, no início do torneio.

Divisão Grupo(s)
Grupo Mundial (8 equipes)
 Alemanha Austrália Bélgica Bielorrússia Estados Unidos França Chéquia Roménia
Grupo Mundial II (8 equipes)
 Canadá Eslováquia Espanha Itália Japão Letónia Países Baixos Suíça
Zonal das Américas I (8 equipes)
 Argentina
 Brasil
 Chile
 Colômbia
 Equador
 México
 Paraguai
 Porto Rico
Zonal da Ásia e Oceania I (7 equipes)
 Cazaquistão
 China
 Coreia do Sul
 Índia
 Indonésia
 Oceania do Pacífico
 Tailândia
Zonal da Europa e África I (15 equipes)
 Bulgária
 Croácia
 Dinamarca
 Eslovénia
 Estónia
 Geórgia
 Grã-Bretanha
 Grécia
 Hungria
 Polónia
 Rússia
 Sérvia
 Suécia
 Turquia
 Ucrânia
Zonal das Américas II (14 equipes)
 Bahamas
 Barbados
 Bermudas
 Bolívia
 Costa Rica
 Cuba
 El Salvador
 Guatemala
 Panamá
 Peru
 República Dominicana
 Trinidad e Tobago
 Venezuela
 Uruguai
Zonal da Ásia e Oceania II (16 equipes)
 Bangladesh
 Bahrein
 Filipinas
 Hong Kong
 Irã
 Malásia
 Nova Zelândia
 Omã
 Paquistão
 Quirguistão
 Singapura
 Sri Lanka
 Taipé Chinesa
 Tajiquistão
 Turquemenistão
 Uzbequistão
Zonal da Europa e África II (7 equipes)
 África do Sul
 Áustria
 Bósnia e Herzegovina
 Israel
 Luxemburgo
 Portugal
 Tunísia
Zonal da Europa e África III (22 equipes)
 Angola
 Argélia
 Arménia
 Botswana
 Camarões
 Chipre
 Egito
 Irlanda
 Islândia
 Finlândia
 Kosovo
 Lituânia
 Macedónia do Norte
 Madagascar
 Malta
 Marrocos
 Montenegro
 Noruega
 Quénia
 República Democrática do Congo
 Uganda
 Zimbabwe

Grupo Mundial[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Fed Cup de 2019 - Grupo Mundial

[2]

  Primeira rodada
9 e 10 de fevereiro
Semifinais
20 e 21 de abril
Final
9 e 10 de novembro
                           
  Chéquia Ostrava (duro coberto)
  1   Chéquia 2  
    Roménia 3     França Rouen (saibro coberto)
      Roménia 2  
Bélgica Liège (duro coberto)   4   França 3  
  4   França 3
    Bélgica 1     Austrália Perth (duro)
    4   França 3
  Alemanha Braunschweig (duro coberto)       Austrália 2
    Alemanha 0  
  3   Bielorrússia 4     Austrália Brisbane (duro)
    3   Bielorrússia 2
Estados Unidos Asheville (duro coberto)     Austrália 3  
    Austrália 3
  2   Estados Unidos 2  

Grupo Mundial II[editar | editar código-fonte]

Segunda divisão da Fed Cup. As equipes vencedoras vão para a Repescagem do Grupo Mundial, enquanto que as perdedoras, para a Repescagem do Grupo Mundial II.

Datas: 9 e 10 de fevereiro.[3]

Cidade Piso Equipe mandante Equipe visitante Resultado
Suíça Bienna duro (coberto)  Suíça (1)  Itália 3–1
Letónia Riga duro (coberto)  Letónia  Eslováquia (3) 4–0
Japão Kitakyushu duro (coberto)  Japão (4)  Espanha 2–3
Países Baixos 's-Hertogenbosch saibro (coberto)  Países Baixos (2)  Canadá 0–4

Repescagem do Grupo Mundial[editar | editar código-fonte]

As equipes perdedoras da primeira rodada do Grupo Mundial enfrentam as vencedoras do Grupo Mundial II por um lugar na primeira divisão do ano seguinte.

Datas: 20 e 21 de abril.[4]

Cidade Piso Equipe mandante Equipe visitante Resultado
Chéquia Prostějov saibro (coberto)  Chéquia (1)  Canadá 4–0
Estados Unidos San Antonio duro (coberto)  Estados Unidos (2)  Suíça 3–2
Letónia Riga duro (coberto)  Letónia  Alemanha (3) 1–3
Bélgica Courtrai duro (coberto)  Bélgica (4)  Espanha 2–3
  • Por causa da mudança de formato, em conjunto com o critério de ranking, os oito times estão classificados para o Qualificatório em 2020, com exceção da  Chéquia, que recebeu convite e entrará diretamente nas Finais.

Repescagem do Grupo Mundial II[editar | editar código-fonte]

As equipes perdedoras do Grupo Mundial II enfrentam as vencedoras dos zonais do Grupo I - duas da Europa/África, uma da Ásia/Oceania e uma das Américas.

Datas: 20 e 21 de abril.[5]

Cidade Local Equipe mandante Equipe visitante Resultado
Rússia Moscou saibro (coberto)  Rússia (1)  Itália 4–0
Japão Osaka saibro (coberto)  Japão  Países Baixos (2) 4–0
Reino Unido Londres duro (coberto)  Grã-Bretanha (3)  Cazaquistão 3–1
Eslováquia Bratislava saibro (coberto)  Eslováquia (4)  Brasil 3–1
  • Por causa da mudança de formato, em conjunto com o critério de ranking, os oito times estão classificados para o Qualificatório em 2020, com exceção da  Itália, que foi rebaixada e jogará o Grupo I do Zonal Europa/África do ano seguinte.

Zonal das Américas[editar | editar código-fonte]

Os jogos de cada grupo acontecem ao longo de uma semana em sede única, previamente definida.

Grupo I[editar | editar código-fonte]

a) Round robin: todas contra todas em seus grupos (2);

b) Eliminatórias: primeira colocada contra primeira (a vencedora joga a Repescagem do Grupo Mundial II); segunda contra segunda (decisão do 3º e 4º lugar); penúltima de um grupo contra última de outro, e vice-versa (as perdedoras são rebaixadas para o grupo II do zonal).

Datas: 6 a 9 de fevereiro.[6]

Repescagem de promoção

Cidade Piso Equipe 1 Equipe 2 Resultado
Colômbia Medellín saibro  Paraguai  Brasil 0–2
  •  Brasil disputará a Repescagem do Grupo Mundial II.
  •  Equador e  Porto Rico foram rebaixadas e disputarão o Grupo II em 2020.

Grupo II[editar | editar código-fonte]

a) Round robin: todas contra todas em seus grupos (4);

b) Eliminatórias: no evento A, primeiras colocadas contra primeiras (a vencedora é promovida para o grupo I do Zonal). Pode haver duelos entre grupos (segunda contra segunda, terceira contra terceira, e assim por diante) para definir classificação final do zonal. No evento B, todas contra todas; ao final, a primeira colocada sobe.

Datas: 17 a 20 de abril.[7]

Repescagem de promoção

Cidade Piso Equipe 1 Equipe 2 Resultado
República Dominicana Santo Domingo (Evento A) saibro
não houve final
Peru Lima (Evento B) duro  Peru  Bahamas 2–0
  •  Peru e  Venezuela foram promovidas e disputarão o Grupo I em 2020.

Zonal da Ásia e Oceania[editar | editar código-fonte]

Os jogos de cada grupo acontecem ao longo de uma semana em sede única, previamente definida.

Grupo I[editar | editar código-fonte]

a) Round robin: todas contra todas em seus grupos (2);

b) Eliminatórias: primeira colocada contra primeira (a vencedora joga a Repescagem do Grupo Mundial II) e segunda contra segunda (decisão do 3º e 4º lugar); e penúltima do grupo com mais equipes contra a última do grupo com menos – a perdedora, mais a última do grupo com mais equipes são rebaixadas para o grupo II do zonal.

Datas: 6 a 9 de fevereiro.[8]

Repescagem de promoção

Cidade Piso Equipe 1 Equipe 2 Resultado
Cazaquistão Astana duro (coberto)  China  Cazaquistão 1–2

Grupo II[editar | editar código-fonte]

a) Round robin: todas contra todas em seus grupos;

b) Eliminatórias: em cada local, as vencedoras são promovidas ao grupo II do zonal. Pode haver duelos entre grupos (segunda contra segunda, terceira contra terceira, e assim por diante) para definir classificação final do zonal.

Datas: 12 a 15 de junho (Evento A) e 19 e 23 de junho (Evento B).[9]

Repescagem de promoção

Cidade Piso Equipe 1 Equipe 2 Resultado
Tajiquistão Dushanbe (Evento A) duro  Taipé Chinesa  Singapura 2–0
Malásia Kuala Lumpur (Evento B) duro  Uzbequistão  Hong Kong 2–1

Zonal da Europa e África[editar | editar código-fonte]

Os jogos de cada grupo acontecem ao longo de uma semana em sede única, previamente definida.

Grupo I[editar | editar código-fonte]

a) Round robin: todas contra todas em seus grupos (4);

b) Eliminatórias: em cada local, primeiras colocadas contra primeiras (as vencedoras jogam a Repescagem do Grupo Mundial II), segundas contra segundas e terceiras contra terceiras, este apenas no evento B, com mais equipes (decisão do 3º ao 8º lugar) e e últimas contra últimas (as perdedoras são rebaixadas para o grupo II do zonal).

Datas: 6 a 9 de fevereiro.[10]

Repescagem de promoção

Cidade Piso Equipe 1 Equipe 2 Resultado
Polónia Zielona Góra (Evento A) duro (coberto)  Rússia  Suécia 2–0
Reino Unido Bath (Evento B) duro (coberto)  Grã-Bretanha  Sérvia 2–0
  •  Grã-Bretanha e  Rússia disputarão a Repescagem do Grupo Mundial II.
  •  Dinamarca e  Geórgia foram rebaixadas e disputarão o Grupo II em 2020.
  •  Hungria, que será o país-sede, está automaticamente classificada para a Fed Cup Finals de 2020.

Grupo II[editar | editar código-fonte]

a) Round robin: todas contra todas em seus grupos (2);

b) Eliminatórias: primeira de um grupo contra segunda de outro, e vice-versa (as vencedoras são promovidas para o grupo I do zonal); e penúltima do grupo com mais equipes contra a última do grupo com menos – a perdedora, mais a última do grupo com mais equipes são rebaixadas para o grupo III do zonal.

Datas: 6 a 9 de fevereiro.[11]

Repescagem de promoção

Cidade Piso Equipe 1 Equipe 2 Resultado
Luxemburgo Esch-Sur-Alzette duro  Áustria  Israel 2–0
 Luxemburgo  Tunísia 2–0

Grupo III[editar | editar código-fonte]

a) Round robin: todas contra todas em seus grupos (4);

b) Eliminatórias: em cada local, as vencedoras são promovidas ao grupo II do zonal. Um local contará com seis times, e outro, cinco.

Datas: 15 a 20 de abril.[12]

Repescagem de promoção

Cidade Piso Equipe 1 Equipe 2 Resultado
Finlândia Helsinque (Evento A) duro (coberto)  Finlândia  Chipre 2–0
Montenegro Ulcinj (Evento B) saibro  Noruega  Egito 1–2

Referências

  1. a b «ITF announces record Fed Cup investment for 2019» (em inglês). fedcup.com. 24 de agosto de 2019 
  2. «Fed Cup - Results - World Group» (em inglês). Selecionar a edição correspondente no menu 'Year'. fedcup.com 
  3. «Fed Cup - Results - World Group II» (em inglês). Selecionar a edição correspondente no menu 'Year'. fedcup.com 
  4. «Fed Cup - Results - World Group Play-offs» (em inglês). Selecionar a edição correspondente no menu 'Year'. fedcup.com 
  5. «Fed Cup - Results - World Group II Play-offs» (em inglês). Selecionar a edição correspondente no menu 'Year'. fedcup.com 
  6. «Fed Cup - Results - 2019 Group I Americas» (em inglês). fedcup.com 
  7. «Fed Cup - Results - 2019 Group II Americas» (em inglês). fedcup.com 
  8. «Fed Cup - Results - 2019 Group I Asia / Oceania» (em inglês). fedcup.com 
  9. «Fed Cup - Results - 2019 Group II Asia / Oceania» (em inglês). fedcup.com 
  10. «Fed Cup - Results - 2019 Group I Europe / Africa» (em inglês). fedcup.com 
  11. «Fed Cup - Results - 2019 Group II Europe / Africa» (em inglês). fedcup.com 
  12. «Fed Cup - Results - 2019 Group III Europe / Africa» (em inglês). fedcup.com 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]