Felipe Colombo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Felipe Colombo
Nascimento 8 de janeiro de 1983 (34 anos)
Cidade do México, Distrito Federal
 México
Ocupação Ator e cantor

Felipe Eguía Colombo (México, 8 de Janeiro de 1983) é um ator e cantor mexicano. Obteve sucesso mundial com a banda Erreway, que surgiu durante a novela argentina Rebelde Way.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Filho do ator argentino Juan Carlos Colombo. Felipe Colombo nasceu na Cidade do México, México, em 8 de janeiro de 1983.

Felipe fez sua estréia na televisão atuando em 1991, no soupp ópera Angeles pecado como Andrés Paraíso, juntamente com Anahí (Rebelde). Mais tarde, em 1992, ele atuou ao lado Ludwika Paleta e Gael García Bernal em uma telenovela denominada El Abuelo y Yo ("Meu avô e eu") produção da Televisa. Após atuando em outras duas telenovelas, trabalhou junto com Angelica Maria, entre muitos outros, em Agujetas de Cor de Rosa, que foi um sucesso de telenovela em toda a América Latina e entre público hispânico nos Estados Unidos. Em 1996, Colombo teve um papel em um episódio de Mujer, casos de la vida real, uma série de televisão que retrata a vida das mulheres no cotidiano. Em 1998, Felipe conseguiu um papel na versão mexicana de Chiquititas, que foi gravada na Argentina. Depois da versão mexicana ser um fracasso de audiência, Cris Morena o convidou para participar da versão argentina da mesma. Desde então segue atuando em novelas argentinas, onde é muito famoso. Durante 2002, Colombo atuou em uma novela chamada Rebelde Way. Trabalhou em Rebelde Way juntamente com Luisana Lopilato,Camila Bordonaba e Benjamín Rojas e os quatro formaram um grupo chamado Erreway.Esse se tornou conhecido a nível internacional e que têm álbuns de ouro e platina em vários países. Em 2005 conseguiu um papel de protagonista na novela "Doble Vida" onde interpretou Pastor Saraiva. Em 2007 ele conseguiu um papel na telenovela "Son de Fierro" contracenando como par da Camila Bordonaba. Em 2008 fez parte do elenco da telenovela "Por amor a Vos" vivendo o vilão Facundo. E 2009 "Enseñame a vivir".

Trabalhos na TV[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagens País
2013 Mis amigos de siempre Fidel Argentina
2009 Enseñame a vivir Cristobal Argentina
2008 Por amor a Vos Facundo Argentina
2007 Son de Fierro Luis 'Lucho' Fierro Argentina
2007 Cañitas. Presencia Emmanuel Argentina
2005 Amor mío Chamaco Precoz Argentina
2005 Doble Vida Pastor Saraiva Argentina
2004 Floricienta Miki Argentina
2004 Erreway: 4 caminos Manuel Aguirre Argentina
2003 Rincón de Luz Felipe Argentina
2002/2003 Rebelde Way Manuel Aguirre Argentina
2001 Chiquititas, la história Felipe Argentina
1999/2000 Chiquititas Felipe Mejia Argentina
1998 Chiquititas (México) Julio México
1996 Mujer, casos de la vida real Juan México
1995 Cilantro y perejil Carlitos México
1994 Agujetas de color de rosa Luisito Dávila México
1992 Ángeles Sin Paraíso Andrés Ángeles México
1992 El Abuello y Yo Felipín México
1992 Sonata de Luna Juan México

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Começou novo na televisão, em sua primeira telenovela tinha apenas 6 anos.
  • O trabalho que provavelmente lhe tenha rendido mais fama foi Rebelde Way. Nesse seu personagem se chamava Manuel Aguirre. Era um rebelde que tinha como título vingança. Junto com Pablo Bustamante (Benjamín Rojas), Marizza Pía Spiritto/Andrade (Camila Bordonaba) e Mia Colucci (Luisana Lopilato) formam a banda Erreway ou R-way que se tornou uma banda real e fez sucesso fora da novela. Rebelde Way durou mais de 2 anos e seu personagem tinha 16 anos.
  • Em 1992 protagonizou a novela Ángeles Sin Paraíso com a cantora e atriz mexicana Anahí, que fez parte da versão mexicana de Rebelde, interpretando Mia Colucci.