Fenómeno de Uhthoff

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Fenómeno de Uhthoff, também conhecido como Síndrome de Uhthoff, é o agravamento dos sintomas neurológicos em casos de esclerose múltipla ou outras condições em que se verifica desmielinização, durante o qual o corpo sobreaquece em consequência de exercício físico, febre, sauna ou imersão em água quente. É provavelmente devido ao efeito do aumento da temperatura na condução nervosa.[1] À medida que a temperatura aumenta, os impulsos nervosos são atrasados ou bloqueados nos nervos afectados, mas assim que a temperatura volta ao normal, os sinais ou sintomas podem melhorar ou desaparecer por completo.[2]

Referências

  1. Davis SL, Frohman TC, Crandall CG; et al. (2008). «Modeling Uhthoff's phenomenon in MS patients with inte rnuclear ophthalmoparesis». Neurology [S.l.: s.n.] 70 (13 Pt 2): 1098–106. doi:10.1212/01.wnl.0000291009.69226.4d. PMID 18287569. 
  2. Flensner, G.; Ek, A.C., Soderhamn, O., & Landtblom, A.M. (2011). «Sensitivity to heat in MS patients: a factor strongly influencing symtomology-an explorative survey». BMC Neurol [S.l.: s.n.] 11: 27. PMID 21352533.