Feras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a cidade da Tessália. Para a cidade da Messênia, veja Fáris.

Feras (em grego: Φεραί, transl. Pheraí) foi uma antiga cidade grega situada no sudeste da Tessália.[1] Na mitologia grega era o lar do rei Admeto, cuja esposa, Alceste, teria sido resgatada do Hades por Héracles. Historicamente, eram de lá os tiranos Jasão e Alexandre de Feras, do século IV a.C., que assumiram o controle de boa parte da Tessália antes de serem derrotados por Tebas.

Localizava-se nas proximidades da atual cidade de Feres, na prefeitura da Magnésia.

Mitologia[editar | editar código-fonte]

Feras foi fundada por seu primeiro rei, Feres, filho de Creteu [2].

Os seus reis e personagens notáveis são:

História[editar | editar código-fonte]

Em épocas históricas, Feras tornou-se a cidade mais importante da Tessália, durante a tirania de Jasão de Feras.[5] Seu filho, Alexandre de Feras, entrou em vários conflitos com a Tebas de Epaminondas e Pelópidas;[carece de fontes?] este morreu em batalha contra Alexandre.[6]

Referências

  1. Mish, Frederick C. (editor-chefe). “Pherae.” Webster’s Ninth New Collegiate Dictionary. 9a ed., Springfield, MA: Merriam-Webster Inc., 1985. ISBN 0-87779-508-8, ISBN 0-87779-509-6 (indexed), e ISBN 0-87779-510-X (deluxe).
  2. a b Pseudo-Apolodoro, Biblioteca, 1.9.14
  3. Pseudo-Apolodoro, Biblioteca, 1.9.15
  4. Pseudo-Apolodoro, Biblioteca, Epítome, 3.14
  5. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XV, 60.2
  6. Diodoro Sículo, Biblioteca Histórica, Livro XV, 80.5
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Grécia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.