Fernando Eiras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fernando Eiras
Nome completo Fernando Antônio Alvim Eiras
Nascimento 21 de fevereiro de 1957 (61 anos)
Rio de Janeiro, RJ
IMDb: (inglês)

Fernando Antônio Alvim Eiras (Rio de Janeiro, 21 de fevereiro de 1957) é um ator e roteirista brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Ganhador de vários prêmios no teatro e no cinema. No teatro encenou peças de Shakespeare, Arthur Miller, Dostoievski, Brecht e Tchecov, entre outros. Em telenovelas participou de Pai herói, Água viva, Dona Beija e Xica da Silva. Em 2005 e 2006 fez o filme Incuráveis e a novela Páginas da Vida da Rede Globo.[1]

Em 2015, interpretou Mário Magalhães, marido de Nise da Silveira no filme Nise: O Coração da Loucura.

Em 2017, interpretou o economista Winston Fritsch no filme Real - O Plano Por Trás da História.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Na televisão[editar | editar código-fonte]

Minisséries
Séries e Programas
  • 2017 - Sob Pressão .... Nelson Sedotti
  • 2010 - As Cariocas - episódio: "A Desinibida do Grajaú"
  • 2000 - Você Decide - episódio: "Pré-datado"
  • 1992 - Você Decide - episódio: "Compulsão"
  • 1990 - Teletema - "Iaiá Garcia" (5 capítulos) .... Jorge
  • 1983 - A Dama das Camélias - (Especial da Quarta Nobre) .... Armand
  • 1981 - Amizade Colorida - episódio: "Das Dificuldades de Ser Homem" .... Johnson

No cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
2018 Cano Serrado Marcos Sá [5]
2017 Real - O Plano Por Trás da História Winston Fritsch
2015 Nise: O Coração da Loucura Mário Magalhães
2014 Getúlio José Soares Maciel Filho
2013 Nise da Silveira - Senhora das Imagens Mário Magalhães
2008 Mulheres, Sexo, Verdades, Mentiras Mário
2007 Carlos Oswald - O Poeta da Luz
2005 Incuráveis O Homem
Berenice Egeu
2004 Quase dois irmãos Pai de Miguel
2003 Filme de amor Gaspar
2001 Dias de Nietzsche em Turim Friedrich Nietzsche
1998 Policarpo Quaresma, herói do Brasil Armando Borges
1995 O Mandarim Mário Reis

No teatro[editar | editar código-fonte]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Biografia Fernando Eiras Museu da Televisão Brasileira
  2. «A criação do Real chega ao cinema». Economia do O Estado de S.Paulo. 20 de maio de 20174. Consultado em 10 de fevereiro de 2018.  Verifique data em: |data= (ajuda)
  3. Gustavo Cunha (4 de junho de 2015). «Fábio Herford e Fernando Eiras definem relação de Eriberto e Renan, em 'Sete vidas', como paixão entre amigos». Extra. Consultado em 13 de junho de 2015. 
  4. «Evandro Mendes (Fernando Eiras)». Sessão de Terapia - GNT. 17 de dezembro de 2014. Consultado em 19 de dezembro de 2014. 
  5. «Cano Serrado». Globo Filmes. Consultado em 21 de maio de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Nuno Leal Maia
por Louco por Cinema
Troféu Candango de Melhor Ator
por O Mandarim

1995
Sucedido por
Tonico Pereira
por O Cego que Gritava Luz
Precedido por
Leonardo Medeiros
por Cabra-Cega
Troféu Candango de Melhor Ator
por Incuráveis

2005
Sucedido por
Maxwell Nascimento
por Querô