Festa do Vinho de Andradas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A Festa do Vinho de Andradas [1] é um evento anual (mês de julho), organizado desde o ano de 1954, por vitivinicultores e pela comunidade da cidade de Andradas no estado de Minas Gerais.

A festa é uma herança da imigração italiana , vinda especialmente da região norte da Itália, mas atualmente poucas famílias se dedicam ao cultivo das vinhas e à fabricação do vinho. Ainda assim, segundo dados da Emater, cerca de 40% das uvas colhidas no sul de Minas Gerais são de Andradas.

Nas primeiras edições, a festa foi realizada no atual Mercado Municipal de Andradas e no Pavilhão do Vinho, local que, atualmente, recebe outras exposições, com outras finalidades, como a EXPOFICA (Exposição da Associação Industrial, Comercial e Rural de Andradas), feiras de artesanato etc.

Posteriormente, a festa foi realizada em ruas centrais da cidade e no Poliesportivo Risoleta Neves e, em seguida, no Clube Campestre, a sede esportiva do Clube Rio Branco (um dos dois clubes existentes na cidade).

O local para festas, nos últimos anos (de 2000 aos dias atuais), tem sido o estádio do Rio Branco de Andradas Futebol Clube, outro clube da cidade, além de, novamente, a via pública (ruas do centro e praça central). Novamente em 2013 , a Festa do Vinho será realizada na Sede Campestre do Clube Rio Branco. Atualmente, existem na cidade os vinhos (fábricas): Basso (fabricado desde 1905), Belotto, Casa Geraldo, Marcon, Muterle, e Piagentini.

O plantio de algumas variedades de vinhas tem sido retomado com tecnologia desenvolvida na Fazenda Experimental da EPAMIG, existente na cidade vizinha de Caldas, assim como tem se procurado evidenciar a atividade como bandeira para o turismo.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]