Festival Internacional de Cinema de Alexandria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Festival Internacional de Cinema de Alexandria
Informações gerais
Local Flag of Egypt.svg Alexandria, Egito
Fundação 1979
Prémios recebidos Prêmio Melhor Filme
Prêmio da Comissão Especial de Arbitragem
Prêmio Youssef Shaheen
Prêmio Naguib Mahfouz
Prêmio Omar Sharif
Prêmio Faten Hamama
Prêmio Jerusalém
Prêmio Kamal Malbach
Data do festival Outubro
Idioma Árabe
Website oficial

O Festival Internacional de Cinema de Alexandria para Países do Mediterrâneo, (em árabe: مهرجان الإسكندرية السينمائي الدولي ou em inglês: Alexandria International Film Festival, AIFF) é um festival de cinema anual, realizado na cidade egípcia de Alexandria.

História[editar | editar código-fonte]

O Festival foi criado em 1979 pela Associação Egípcia de Escritores de Filmes Críticos (EAFWC), criada em 1973 pelo crítico Kamal Al-Malakh.[1] O FICA tem por objetivo ampliar a cultura cinematográfica e fortalecer o relacionamento entre os cineastas de todo o mundo, com especial atenção para os países Mediterrâneo.

Competição oficial[editar | editar código-fonte]

A competição oficial do festival é limitada aos longas metragens dos países mediterrâneos, enquanto vários países internacionais participam de atividades fora da competição oficial como o "Panorama do Cinema Mundial" e outra seção sobre filmes premiados em festivais internacionais.

Existem vários prêmios no festival, incluindo: Melhor Competição de Cinema, Melhor Ator, Melhor Atriz, Melhor Diretor e Melhor Roteirista, o último com o nome do roteirista Abdel Hadi Adib, no valor de 200.000 libras egípcias (US$ 36.000 dólares).

Atualidade[editar | editar código-fonte]

O FICA é dirigido atualmente pelo príncipe Abaza. O festival é patrocinado pelo Ministério da Cultura do Egito e em colaboração com o Governo of Alexandria. Em 2018, o festival em sua 34ª edição, aconteceu na Bibliotheca Alexandrina.[2] Segundo o presidente do festival, Al-Amir Abaza, o tema deste ano foi "Jerusalém é árabe" em resposta a iniciativa do Estados Unidos em tranferir sua embaixada de Tel Aviv para Jerusalém [3]. Esta edição também foi dedicada em homenagem a atriz egípcia Nadia Lotfi.

Premiações[editar | editar código-fonte]

  • Prêmio Melhor Filme
  • Prêmio da Comissão Especial de Arbitragem
  • Prêmio Youssef Shaheen (Melhor Resultado)
  • Prêmio Naguib Mahfouz (Melhor Cenário)
  • Prêmio Omar Sharif (Melhor Ator)
  • Prêmio Faten Hamama (Melhor Atriz)
  • Prêmio Jerusalém (Melhor Conquista Artística)
  • Prêmio Kamal Malbach (Primeiro ou Segundo Trabalho do Diretor)
Ano Melhor Filme Melhor Curta-Metragem Melhor Primeiro ou Segundo Recurso Melhor Conquista Artística Melhor Roteiro Comissão Especial de Arbitragem Melhor Atriz Melhor Atriz Coadjuvante
2018 [4] Too Much Info Clouding Over My Head
de Vasilis Christofilakis
E I G H T D A Y
de Jasmin Pivic
Daybreak
de en:Gentian Koçi
Martyr
de Mazen Khaled
Daybreak
de en:Gentian Koçi
Carol Abboud
por Martyr
2017 The Weight of Honor
de Stephanie Seldin Howard
Hind Sabri
por en:The Flower of Aleppo
2016 Bourek
de en:Vladan Nikolic
The Blind of the Cathedral
de Nadine Asmar
The Blind of the Cathedral
de Nadine Asmar
2015 Sara
de Khalil al Mozian
La moitié du ciel
de Abdelkader Lagtaa

Referências

  1. «Alexandria Mediterranean Countries Film Festival - festivals». Filmitalia. Consultado em 19 de dezembro de 2018 
  2. «AIFF to be launched October 3». EgyptToday. Consultado em 19 de dezembro de 2018 
  3. «34th Alexandria Film Festival for Mediterranean Countries opens 3 October in Bibliotheca Alexandrina». Daily News Egypt (em inglês). 30 de setembro de 2018. Consultado em 19 de dezembro de 2018 
  4. «Alexandria International Film Festival (2018)». IMDb. Consultado em 20 de dezembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]