Festival de Ópera do Paraná

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Festival de Ópera do Paraná
Primeira edição 2015 (7 anos)
Local(is) Paraná, Brasil
Gênero festival
Ingresso Gratuito

O Festival de Ópera do Paraná é um festival de música lírica realizado anualmente em diversas cidades do estado. Com produções operísticas focadas na ópera nacional[1], além das peças tradicionais do repertório, tornou-se referência por democratizar a ópera[2], levando-a para locais pobres e inusitados.

Foi idealizado e fundado por Gehad Hajar, com apoio do Centro Cultural Teatro Guaíra, em 2015[3], com a primeira edição[4] apresentando quatro óperas, sendo duas paranaenses: Marumby de Nicolau dos Santos e Sidéria de Augusto Stresser. A segunda edição contou com 11 montagens de ópera, com uma equipe de 328 profissionais de 6 países[5], que cresceu para uma equipe de 619 profissionais e 30 récitas no III Festival de Ópera[6], em 2017[7]. Nas cinco últimas edições foram mais de 130 mil pessoas a assistirem 89 eventos, em teatros, ruas, praças, feiras, mercados, escolas públicas, tribo indígena, terminais[8] e ônibus[9].

Para dar suporte às produções junto ao Festival foram criados o Coro Lírico de Curitiba e a Companhia Paranaense de Ópera[10]. Já considerado o maior evento lírico do Brasil[11], o Festival de Ópera prima pelas obras em língua portuguesa, pela acessibilidade e acesso do público não habitual ao gênero[12]. Várias de suas edições possuíram eventos com audiodescrição[13] e tradução para LIBRAS.

Apresentação no III Festival de Ópera do Paraná.

Com toda programação gratuita e, deste a primeira edição, a produzir estreias mundiais de óperas e operetas brasileiras, em especial “Papílio Innocentia" de Léo Kessler; "Festa de São João"[14] inédita e mais antiga opereta de Chiquinha Gonzaga[15]; "Marília de Dirceu"[16] e "Sóror Mariana" de Júlio Reis[17].

Este Festival foi o responsável pela volta das óperas ao Paraná e das grandes óperas ao palco do Guairão, após 8 anos de silêncio[18], com Cavalleria Rusticana (2017) e dos concertos sinfônicos com voz, após 6 anos de hiato, com a Missa da Coroação (2018). Já na segunda edição, em 2016, foi interiorizado chegando às cidades de Ponta Grossa[19], Foz do Iguaçu[20][21], Cascavel[22], Rio Negro[23], Lapa[24], Antonina[25] e Terra Roxa[26].

Como suporte educacional, bienalmente é realizado na programação do FOP o Simpósio Brasileiro de Canto[27], aberto aos profissionais da área musical e aos interessados.

Referências

  1. «Festival Ópera do Paraná». festivaldeopera.org. Consultado em 26 de janeiro de 2021 
  2. «Opera for All». Limelight (em inglês). Consultado em 26 de janeiro de 2021 
  3. PR, Daiane BaúDo G1 (20 de novembro de 2015). «Primeiro Festival de Ópera do Paraná relembra quatro canções tradicionais». Paraná. Consultado em 28 de abril de 2021 
  4. Carnieri, Helena. «Festival de ópera vai ocupar o palco do Guairinha». Gazeta do Povo. Consultado em 26 de janeiro de 2021 
  5. «Relatório do II FOP» 
  6. Paraná, Agência Estadual de Notícias do Estado do. «Festival de Ópera do Paraná terá 22 espetáculos e sete cursos». Agência Estadual de Notícias. Consultado em 18 de fevereiro de 2021 
  7. «Relatório III FOP» 
  8. «Apresentação de ópera na Rodoviária surpreende viajantes». www.urbs.curitiba.pr.gov.br. Consultado em 28 de abril de 2021 
  9. «Programa do IV Festival de Ópera do Paraná» 
  10. Paraná, Assembleia Legislativa do. «Festival de Ópera vai oferecer espetáculos gratuitos em Curitiba». Assembleia Legislativa do Estado do Paraná. Consultado em 9 de março de 2021 
  11. Paraná, Jornal Bem. «Festival de Ópera traz concertos com entrada franca - Bem Paraná». www.bemparana.com.br. Consultado em 26 de janeiro de 2021 
  12. «Opera the South American Way: The Case of Brazil and Gehad Hajar's Pioneering Festival». Naxos Musicology 
  13. «Ópera com audiodescrição, neste sábado, em Curitiba - TICTAG». www.brisateixeira.com. Consultado em 26 de janeiro de 2021 
  14. «Inédita: ópera rejeitada de Chiquinha Gonzaga vai ser encenada». Notícias ao Minuto Brasil. 28 de outubro de 2017. Consultado em 18 de fevereiro de 2021 
  15. «Rejeitada em 1879, opereta inédita de Chiquinha Gonzaga será encenada - 28/10/2017 - Ilustrada». Folha de S.Paulo. Consultado em 26 de janeiro de 2021 
  16. «Óperas têm um mês de apresentações gratuitas no Paraná - CBN Curitiba». cbncuritiba.com. 31 de outubro de 2019. Consultado em 9 de março de 2021 
  17. «CONCERTO | Festival de Ópera do Paraná recupera obra de Júlio Reis». CONCERTO | Festival de Ópera do Paraná recupera obra de Júlio Reis. Consultado em 26 de janeiro de 2021 
  18. Carnieri, Helena. «Guaíra retoma ópera | Teatrojornal» (em inglês). Consultado em 9 de março de 2021 
  19. «Ponta Grossa participa do IV Festival de Ópera do Paraná | Prefeitura Municipal de Ponta Grossa». pontagrossa.pr.gov.br. Consultado em 9 de março de 2021 
  20. Inteligentes, PDi Publicador Digital Inteligente-MSWI Soluções Web. «Foz recebe IV Festival de Ópera do Paraná no A Casa». gdia.com.br. Consultado em 9 de março de 2021 
  21. Inteligentes, PDi Publicador Digital Inteligente-MSWI Soluções Web. «Paraná recebe o "5º Festival de Ópera». gdia.com.br. Consultado em 9 de março de 2021 
  22. «Cascavel entra na rota do maior evento lírico do País». www.alertaparana.com.br. Consultado em 9 de março de 2021 
  23. «"4º Festival de Ópera do Paraná estreia dia 02 de novembro" | Jornal Água Verde». jornalaguaverde.com.br. Consultado em 9 de março de 2021 
  24. Curitiba, Fundação Cultural de. «Núcleo de Ópera Comunitário apresenta O Filho Pródigo». www.fundacaoculturaldecuritiba.com.br. Consultado em 9 de março de 2021 
  25. Paraná, Jornal Bem. «Festival de Ópera do Paraná traz 10 dias de óperas e concertos gratuitos - Bem Paraná». www.bemparana.com.br. Consultado em 9 de março de 2021 
  26. «Casa da Cultura receberá apresentação do Festival de Ópera do Paraná». www.folhadaterraweb.com.br. Consultado em 9 de março de 2021 
  27. Educativa, Rádio e TV. «Curitiba recebe o III Festival de Ópera do Paraná e I Simpósio Brasileiro de Canto». TV Paraná Turismo - Rádio e Televisão Educativa do Paraná. Consultado em 9 de março de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]