Filip Hološko

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Filip Hološko
Filip Holosko.jpg
Informações pessoais
Nome completo Filip Hološko
Data de nasc. 17 de janeiro de 1984 (37 anos)
Local de nasc. Piešťany,  Tchecoslováquia
Altura 1,85 m
Apelido Pipo, Holosgoal
Informações profissionais
Clube atual Turquia Rizespor
Número 13
Posição Atacante
Clubes de juventude
1990-1998
1998-2001
Eslováquia Piešťany
Eslováquia Trenčín
Clubes profissionais
Anos Clubes
2001
2002-2005
2006-2007
2008-2015
2011
2014-2015
2015-
Eslováquia Trenčín
República Checa Slovan Liberec
Turquia Manisaspor
Turquia Beşiktaş
Turquia İstanbul BB (emp.)
Turquia Rizespor (emp.)
Austrália Sydney FC
Seleção nacional
2005- Flag of Slovakia.svg Eslováquia

Filip Hološko (Piešťany, 17 de janeiro de 1984) é um futebolista eslovaco que atua como atacante. Atualmente joga pelo Sydney FC

Carreira[editar | editar código-fonte]

Inicio[editar | editar código-fonte]

Hološko começou a jogar futebol ainda nas categorias de base do Piešťany, time de sua cidade natal, e em seguida foi para o Trenčín, onde estreou profissionalmente ainda muito novo, aos 17 anos, em 2001.

Apesar de ter disputado apenas um jogo nesta agremiação, seu desempenho valeu um contrato com o Slovan Liberec, time da vizinha República Checa, no ano de 2002. Foram três anos nos Alviazulinos.[1]

Atuações na Turquia[editar | editar código-fonte]

Desde 2006, Hološko joga no futebol turco, sendo contratado pelo Manisaspor neste mesmo ano. Com 65 partidas e 21 gols, ele acabaria sendo contratado pelo Beşiktaş, onde atua de 2008 a 2015.

Sydney[editar | editar código-fonte]

Em 2015 assinou com o Sydney FC.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Hološko estreou com a camisa da Eslováquia em 2005, mas ele não teve sucesso em classificar sua equipe para a Copa de 2006 nem para a Eurocopa de 2008.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Em maio de 2009, Hološko se tornou pai pela primeira vez, após sua esposa Adelka dar a luz uma menina, a quem ele deu o nome de Sophie.

Referências

  1. «Perfil na Transfermarkt». Consultado em 16 de março de 2016