Final da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1976–77

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
1977 European Cup Final
Evento
Data 25 de Maio de 1977
Local Stadio Olimpico, Roma
Árbitro Robert Wurtz (France)
Público 52,078

A Final da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1976–77 foi um jogo de futebol entre o Liverpool , da Inglaterra, e o Borussia Mönchengladbach, da Alemanha, em 25 de Maio de 1977, no Stadio Olimpico, em Roma, Itália Ambas as equipes jogavam pela primeira vez a final da Copa Europeia, embora os dois times ja haviam se encontraram anteriormente na Final da Copa da UEFA de 1973, onde o Liverpool venceu por 3-2 no agregado.

O jogo foi assistido por uma multidão de 57.000 pessoal, o Liverpool assumiu a liderança do placar com Terry McDermott, mas Allan Simonsen empatou para o Mönchengladbach, no início do segundo tempo, o Liverpool recuperou a liderança com gols de Tommy Smith e Phil Neal e assegurou o seu primeiro título Europeu. A vitória foi um ano depois de ter ganho a Copa da UEFA, o que significou que Bob Paisley se tornou o primeiro treinador a ganhar a Copa da UEFA e a Liga dos Campeões em temporada sucessivas.

Rota para a final[editar | editar código-fonte]

Liverpool[editar | editar código-fonte]

Rodada Adversários Ida Volta Agg.
Crusaders 2-0 (C) 5-0 (F) 7-0
Trabzonspor 0-1 (C) 3-0 (F) 3-1
Quartas-de-final Saint-Étienne 0-1 (F) 3-1 (C) 3-2
Semi-finais FC Zürich 3-1 (F) 3-0 (C) 6-1

O Liverpool entrou na competição como campeão inglês[1] e enfrentou o campeão da Irlanda do NorteCrusaders, na primeira rodada. O jogo de ida foi em Anfield e o Liverpool venceu por 2-0, gol de Phil Neal e John Toshack. O segundo jogo foi em Seaview e foi vencido por 5 a 0 pelo Liverpool. Na rodada seguinte, o Liverpool enfrentou o campeão turco, Trabzonspor. O primeiro jogo foi disputado na Turquia, no Hüseyin Avni Aker. O Trabzonspor converteu um pênalti e ganhou o jogo por 1-0 mas o Liverpool se recuperou no segundo jogo em Anfield quando fez três gols logo no início do primeiro tempo e venceu venceu a partida por 3-0 e avançar a quartas-de-final.

Nas quartas-de-finais, o Liverpool enfrentou o vice-campeão da temporada passada, o Saint-Étienne, da França. O primeiro jogo foi no Stade Geoffroy-Guichard e o Liverpool perdeu o jogo de 1-0. O jogo de volta em Anfield é considerado um dos jogos mais memoráveis do Liverpool na Europa. O Liverpool marcou logo no segundo minuto da partida com Kevin Keegan, no início do segundo tempo, o Saint-Étienne empatou com Dominique Bathenay, o gol significou que a equipa francesa ganharia devido aos golos marcados fora de casa e o Liverpool precisava marcar mais dois gols para passar de fase. O Liverpool marcou no meio do segundo tempo e empatou o jogo por 2-2 no agregado e com 18 minutos restantes, David Fairclough fez o gol que fez o Liverpoollvencer a partida por 3 a 1 e o agregado por 3-2 e assim alcançar a semi-final O adversário do Liverpool na semi-final foi o campeão suíço, FC Zürich. O jogo de ida em Letzigrund, foi vencido por 3-1 pelo Liverpool. O Liverpool também venceu a segunda partida em Anfield por 3-0 e assegurou a sua participação na final.

Borussia Mönchengladbach[editar | editar código-fonte]

Rodada Adversário Ida Volta Agg.
Áustria Viena 0-1 (a) Por 3-0 (h) 3-1
Torino 2-1 (a) 0-0 (h) 2-1
Quartas-de-final O Club Brugge 2-2 (h) Por 1-0 (um) 3-2
Semi-final O Dínamo De Kiev 0-1 (a) 2-0 (h) 2-1

O Borussia se classificou para o campeonato como ganhador da 1975-76 Fußball-Bundesliga.[2] Na primeira eliminatória, o Borussia enfrentou os campeões da Áustria, o Áustria Viena. O primeiro jogo foi no Franz Horr e terminou em uma derrota por 1-0 para o Borussia. No segundo jogo em Bökelbergstadion, o Borussia ganhou por 3-0 com gols de Uli Stielike, Rainer Bonhof e Jupp Heynckes. Na rodada seguinte, o Borussia enfrentou o campeão italiano, Torino. O Borussia venceu o primeiro jogo no Stadio Olimpico di Torino por 2-1 e o segundo jogo terminou 0-0, o que foi suficiente para o Borussia ir para as quartas-de-final.[3]

O adversário das quartas-de-finais foi campeão Belga, Club Brugge. No primeiro jogo em Bökelbergstadion começou com o Borussia perdendo por dois gols no primeiro tempo, no entanto, eles marcaram dois gols no segundo tempo com Christian Kulik e Allan Simonsen e empataram o jogo em 2 a 2. No segundo jogo no Jan Breydel StadiumWilfried Hannes marcou o gol do Borussia e o jogo terminou em 1-0 e a classificação do Borussia garantida.  Na semi-final, o confronto foi contra os campeões soviéticos, o Dínamo de Kiev. O primeiro jogo no Estádio Olímpico de Kiev foi ganho por 1-0,pelo Dínamo, no jogo de volta, Rainer Bonhof marcou para empatar por 1-1 no agregado, o jogo foi para o tempo extra e Hans-Jürgen Wittkamp marcou o gol que deu a classificação para o  Borussia.

Partida[editar | editar código-fonte]

Resumo[editar | editar código-fonte]

A primeira chance do jogo foi do Borussia; Rainer Bonhof chutou para fora. Aos 24 minutos, Herbert Wimmer sofreu uma lesão e teve de ser substituído por Christian Kulik. Três minutos depois, Ian Callaghan ganhou a bola no meio de campo e passou para Steve Heighway na ala direita. Heighway cruzou para Terry McDermott que marcou o primeiro gol da partida. Com esse gol, o Borussia veio pra cima do Liverpool, mas eles não conseguiram empatar o jogo antes do final do primeiro tempo.

Aos sete minutos do segundo tempo, o Borussia empatou a partida. Allan Simonsen roubou a bola, avançou em direção ao gol e empatou em 1 a 1. Momentos depois, o Liverpool reclamou de um pênalti sobre Kevin Keegan que o árbitro não marcou. Cinco minutos depois, Simonsen cruzou na área e Uli Stielike cabeceou mas lance foi salvo pelo goleiro do Liverpool, Ray Clemence. Dois minutos depois, o Liverpool recuperou a liderança do placar em cobrança de escanteio de Heighway para uma cabeçada de Tommy Smith. Logo depois, Bonhof fez o que pareceu ter sido um pênalti em Heighway, mas o árbitro novamente não marcou nada, no entanto, aos 82 minutos, o Liverpool teve um pênalti marcado a seu favor em uma falta em Kevin Keegan. Phil Neal marcou o gol que selou a vitória do Liverpool por 3-1.

Detalhes[editar | editar código-fonte]

25 de Maio de 1977 Liverpool Inglaterra 3 – 1 Alemanha Ocidental Borussia Mönchengladbach Stadio Olimpico, Roma

McDermott Gol marcado aos 28 minutos de jogo 28'
Smith Gol marcado aos 64 minutos de jogo 64'
Neal Gol marcado aos 82 minutos de jogo 82' (pen.)
Simonsen Gol marcado aos 52 minutos de jogo 52' Público: 52,078
Árbitro: Robert Wurtz França
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Liverpool[4]
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Borussia Mönchengladbach<ref name="wilson">
GL 1 Inglaterra Ray Clemence
LD 2 Inglaterra Phil Neal
ZG 4 Inglaterra Tommy Smith
ZG 6 Inglaterra Emlyn Hughes (c)
LE 3 País de Gales Joey Jones
ME 10 Inglaterra Ian Callaghan
MC 8 Inglaterra Jimmy Case
MC 11 Inglaterra Terry McDermott
MD 5 Inglaterra Ray Kennedy
ATA 7 Inglaterra Kevin Keegan
ATA 9 República da Irlanda Steve Heighway
Manager:
Inglaterra Bob Paisley
Liverpool vs Borussia Mönchengladbach 1977-05-25.svg
GL 1 Alemanha Ocidental Wolfgang Kneib
LD 3 Alemanha Ocidental Hans Klinkhammer
ZG 5 Alemanha Ocidental Rainer Bonhof
ZG 4 Alemanha Ocidental Hans-Jürgen Wittkamp
LE 2 Alemanha Ocidental Berti Vogts (c)
MC 9 Alemanha Ocidental Uli Stielike Penalizado com cartão amarelo após 86 minutos 86'
MC 10 Alemanha Ocidental Frank Schäffer
MC 6 Alemanha Ocidental Horst Wohlers Substituído após 79 minutos de jogo 79' 79'
EE 7 Dinamarca Allan Simonsen
ATA 11 Alemanha Ocidental Jupp Heynckes
ED 8 Alemanha Ocidental Herbert Wimmer Substituído após 24 minutos de jogo 24' 24'
Substitutes:
MF 15 Alemanha Ocidental Wilfried Hannes Entrou em campo após 79 minutos 79' 79'
MF 12 Alemanha Ocidental Christian Kulik Entrou em campo após 24 minutos 24' 24'
Manager:
Alemanha Ocidental Udo Lattek

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «England 1975/76». www.rsssf.com. Consultado em 1 de maio de 2018 
  2. «DFB - Deutscher Fußball-Bund e.V. -  Tabelle Round 34». 28 de dezembro de 2013. Consultado em 1 de maio de 2018 
  3. «European Champions' Cup 1976-77 - Details». www.rsssf.com. Consultado em 1 de maio de 2018 
  4. Wilson (2008, p. 281)

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Links externos[editar | editar código-fonte]