Final da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1987-88

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Final da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1987–88
PSV Eindhoven, 1987–88 European Cup Winners - 01.jpg
Evento Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1987–88 (Final)
Depois de prolongamento o PSV venceu por 6-5 nos penáltis
Data 25 de Maio de 1988
Local Neckarstadion, Estugarda, Alemanha Ocidental Alemanha Ocidental
Árbitro Itália Luigi Agnolin
Público 64 000

A Final da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1987–88 foi uma partida de futebol disputada entre o PSV da Holanda e o Benfica de Portugal para decidir o campeão da Taça dos Clubes Campeões Europeus de de 1987-88. O PSV venceu por 6–5 nos penáltis depois de um empate sem gols após o prolongamento. A partida foi disputada no Neckarstadion, em Estugarda, no dia 25 de Maio de 1988. Segundo o jogador do PSV, Berry van Aerle, não foi uma partida muito boa, com as duas equipes demasiado cautelosas. No entanto, foi emocionante até ao final e terminou numa disputa de penáltis tensa.[1]

Para o PSV, esta vitória garantiu a tripla, Copa dos Países Baixos, Campeonato Holandês e a Taça dos Clubes Campeões Europeus. Cinco membros do PSV de Guus Hiddink também fizeram parte da Seleção Holandesa que conquistou o Campeonato Europeu de Futebol de 1988 na Alemanha Ocidental naquele verão.[1]

Caminho para a final[editar | editar código-fonte]

Países Baixos PSV Fase Portugal Benfica
Oponente Total 1º jogo 2º jogo Oponente Total 1º jogo 2º jogo
Turquia Galatasaray 3–2 3–0 (C) 0–2 (F) Primeira fase Albânia Partizani Tirana 4–0 4–0 (C) 0–0 (F)
Áustria Rapid de Viena 4–1 2–1 (F) 2–0 (C) Segunda fase Dinamarca AGF 1–0 0–0 (F) 1–0 (C)
França Bordeaux 1–1 (f) 1–1 (F) 0–0 (C) Quartas de final Bélgica Anderlecht 2–1 2–0 (C) 0–1 (A)
Espanha Real Madrid 1–1 (f) 1–1 (F) 0–0 (C) Semifinal Roménia Steaua Bucareste 2–0 0–0 (F) 2–0 (C)

Detalhes[editar | editar código-fonte]

25 de maio de 1988 PSV Países Baixos 0–0 Portugal Benfica Neckarstadion, Estugarda

Público: 64.000
Árbitro: Itália Luigi Agnolin
    Penalidades  
Koeman Convertido
Kieft Convertido
Nielsen Convertido
Vanenburg Convertido
Lerby Convertido
Janssen Convertido
6 – 5 Convertido Elzo
Convertido Dito
Convertido Redouane
Convertido Pacheco
Convertido Mozer
Erro Veloso
 
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
PSV
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Benfica
GK 1 Hans van Breukelen
RB 2 Eric Gerets (c)
CB 3 Ivan Nielsen
CB 4 Ronald Koeman
LB 5 Jan Heintze
CM 6 Søren Lerby Penalizado com cartão amarelo após 106 minutos 106'
LM 7 Berry van Aerle
RM 8 Gerald Vanenburg
CM 9 Edward Linskens
CF 10 Wim Kieft
CF 11 Hans Gillhaus Substituído após 105+2 minutos de jogo 105+2'
Reservas:
DF 12 Adick Koot
FW 13 Eric Viscaal
MF 14 Anton Janssen Entrou em campo após 105+2 minutos 105+2'
MF 15 Willy van de Kerkhof
GK 16 Patrick Lodewijks
Treinador:
Guus Hiddink
PSV-Benfica 1988-05-25.svg
GK 1 Silvino
RB 2 António Veloso
CB 3 Dito
LB 4 Álvaro
CB 5 Carlos Mozer
CM 6 Elzo
RM 7 Chiquinho Carlos
LM 8 António Pacheco
CF 9 Rui Águas Substituído após 56 minutos de jogo 56'
CM 10 Shéu (c)
CF 11 Mats Magnusson Substituído após 112 minutos de jogo 112'
Reservas:
GK 12 Manuel Bento
DF 13 Samuel
MF 14 Adelino Nunes
FW 15 Hajry Redouane Entrou em campo após 112 minutos 112'
FW 16 Wando Entrou em campo após 56 minutos 56'
Treinador:
Toni

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Van Aerle relives PSV glory night against Benfica». UEFA.com. União das Associações Europeias de Futebol. 4 de Abril de 2011. Consultado em 14 de Agosto de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]