Finanças internacionais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Finanças internacionais é um ramo da economia que estuda a dinâmicas das taxas de câmbio, investimento externo e a forma como isso afeta o comércio internacional. Estuda também projetos internacionais, investimento e fluxos internacionais de capitais, e défices de comércio. Inclui também o estudo de futuros, opções e swaps de moeda. As finanças internacionais são um ramo da economia internacional.

Teorias importantes de finanças internacionais incluem o modelo Mundell-Fleming , a teoria da área de moeda óptima, e a teoria da paridade de poder de compra. Enquanto que a teoria do comércio internacional recorre sobretudo a métodos e teorias da microeconomia, a teoria das finanças internacionais recorre predominantemente a métodos e conceitos da macroeconomia .

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.