Fire Emblem Fates

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fire Emblem Fates
Colagem ilustrativa do jogo, utilizada no site oficial. À esquerda, os personagens de Nohr enquanto à direita estão os de Hoshido.
Desenvolvedora(s) Intelligent Systems
Nintendo SPD
Publicadora(s) Nintendo
Diretor(es) Kouhei Maeda
Genki Yokota
Produtor(es) Masahiro Higuchi
Hitoshi Yamagami
Escritor(es) Shin Kibayashi
Yukinori Kitajima
Nami Komuro
Artista(s) Toshiyuki Kusakihara
Yūsuke Kozaki
Compositor(es) Takeru Kanazaki
Hiroki Morishita
Rei Kondoh
Masato Kouda
Yasuhisa Baba
Plataforma(s) Nintendo 3DS
Série Fire Emblem
Data(s) de lançamento Birthright/Conquest
  • JP 25 de junho de 2015
  • AN 19 de fevereiro de 2016
  • EU 20 de maio de 2016
Revelation
  • JP 9 de julho de 2015
  • AN 10 de março de 2016
  • EU 9 de junho de 2016
Gênero(s) RPG de estratégia
Modos de jogo Um jogador, multijogador
Fire Emblem: Awakening
Fire Emblem Echoes: Shadows of Valentia

Fire Emblem Fates, conhecido no Japão como Fire Emblem If (ファイアーエムブレム if, Faiā Emuburemu Ifu?) é um RPG eletrônico de estratégia desenvolvido pela Intelligent Systems e publicado pela Nintendo para o Nintendo 3DS em junho de 2015 no Japão e em 2016 no Ocidente. É o décimo-quarto jogo da série Fire Emblem e o segundo a ser lançado para o 3DS, após Fire Emblem Awakening. Fates foi lançado em três versões diferentes, cada uma seguindo um enrendo diferente embora focado nos mesmos personagens: Birthright e Conquest como lançamentos físicos e Revelation como conteúdo para download.

A história geral gira ao redor do papel relutante do protagonista, um avatar personalizado do jogador, em uma guerra entre o Reino de Hoshido (sua terra natal) e Nohr (seu país adotado). Em Birthright e Conquest, o jogador toma partido na guerra, apoiando um dos países contra o outro, enquanto em Revelation abandona ambos e busca encontrar os verdadeiros responsáveis pela guerra. A jogabilidade, condizente com o padrão estabelecida da série, envolve batalhas táticas num tabuleiro quadriculado, apesar de certas características das mecânicas variarem entre as versões.[1]

Depois do sucesso crítico e comercial de Awakening, a mesma equipe desse começou o desenvolvimento de Fates. Seu foco principal nessa sequência foi adicionar novos recursos e refinamentos à jogabilidade, além de expandir a história, que havia sido criticada pelos fãs. Para tal, o escritor e mangaká Shin Kibayashi colaborou com a equipe. A equipe ainda decidiu dividir o jogo em versões diferentes, pois assim poderiam mostrar todos os ângulos e aspectos da história e também propiciar experiências diferentes.

Fire Emblem Fates foi em geral bem recebido pela crítica especializada. Birthright foi visto como o melhor ponto de partida para novos jogadores, enquanto Conquest foi elogiado pelo seu desafio; Revelation foi por fim indicado como um meio termo entre os dois lançamentos. Fire Emblem Fates acabou por ultrapassar as vendas de Awakening.[2]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Todas as versões de Fates foram em geral bem recebidas. No agregador de críticas Metacritic, Birthright obteve a nota 86/100 (baseado em 35 análises),[3] Conquest recebeu 87/100 (baseado em quarenta),[4] enquanto Revelation atingiu a nota ligeiramente maior de 88/100, baseado em 21 análises.[5]

A revista Famitsu, que analisou ambas as versões físicas em conjunto, elogiou-os pela história e personagens, apesar de ressaltar que as interações inter-personagens eram complicadas, de modo que jogar apenas uma das versões da história deixaria os jogadores decepcionados.[6]

Referências

  1. Anna Gabriela Coelho (8 de junho de 2015). «Fire Emblem If (3DS) fará jus à excelência da franquia?». Nintendo Blast. Consultado em 22 de janeiro de 2017. 
  2. Lucas Palma Mistrello (1 de julho de 2015). «Fire Emblem: Fates (3DS) bate recordes de venda da série no Japão». Nintendo Blast. Consultado em 22 de janeiro de 2017. 
  3. «Fire Emblem Fates: Birthright 3DS». Metacritic. Consultado em 21 de janeiro de 2017.. Cópia arquivada em 21 de janeiro de 2017 
  4. «Fire Emblem Fates: Conquest 3DS». Metacritic. Consultado em 21 de janeiro de 2017.. Cópia arquivada em 21 de janeiro de 2017 
  5. «Fire Emblem Fates: Revelation 3DS». Metacritic. Consultado em 21 de janeiro de 2017.. Cópia arquivada em 21 de janeiro de 2017 
  6. «ニンテンドー3DS - ファイアーエムブレムif 白夜王国/暗夜王国» 1385 ed. Enterbrain. Famitsu Weekly (em japonês). 18 de junho de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]