Five hundred meter Aperture Spherical Telescope

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Construção do FAST em setembro de 2015

Five hundred meter Aperture Spherical Telescope (FAST; em português: Rádiotelescópio Esférico de 500 metros de Abertura) é um radiotelescópio localizado na depressão Dawodang (大 窝 凼 洼地), uma bacia natural no condado Pingtang, província de Guizhou, sudoeste da China.[1][2] É constituído por um prato fixo de 500 metros fabricado de acordo com a depressão natural na paisagem. É o maior radiotelescópio do mundo[3] e a segunda maior abertura de um único prato depois do RATAN-600 na Rússia.[4][5]

A construção do projeto FAST começou em 2011 e alcançou a primeira captação em 25 de setembro de 2016. Ele está atualmente passando por testes e comissionamento.[6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «中国"天眼"能不能发现外星人?» [Can Chinese Tianyan find aliens?] (em chinês). XINHUANET.com. 22 February 2016. 
  2. China constrói radiotelescópio gigante
  3. Brinks, Elias (11 July 2016). «China Opens the Aperture to the Cosmos». The Conversation. US News and World Report. Consultado em 12 August 2016. 
  4. Nan, Rendong (April 2008). Project FAST — Five hundred meter Aperture Spherical radio Telescope (PDF). China-US Bilateral Workshop on Astronomy. Beijing. Consultado em 4 July 2016. 
  5. «China starts building world's biggest radio telescope». New Scientist [S.l.: s.n.] 8 de junho de 2011. Consultado em 19 de outubro de 2015. 
  6. «中国科学院·贵州省共建国家重大科技基础设施500米口径球面射电望远镜(FAST)项目奠基» (em chinês). Guizhou Daily. 27 December 2008. Consultado em 28 December 2008. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]