Floresta de várzea

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Várzea coberta de árvores no rio Amazonas.

Floresta de várzea é um tipo de floresta de planícies inundáveis invadidas por enchentes sazonais na bacia Amazônica, ao longo de rios de "águas brancas" (isto é, turvas, barrentas).

Ao longo do rio Amazonas e muitos de seus tributários, há uma alta taxa pluviométrica durante a estação das chuvas, resultando em grandes enchentes estacionais. O resultado é aumento no nível de águas carregadas de nutrientes entre 10 e 15 metros.

Classificação[editar | editar código-fonte]

As florestas de várzea dividem-se em dois tipos: as várzeas baixa e intermediária, nas quais predominam palmeiras e as espécies que apresentam raízes aéreas, as quais auxiliam na fixação de oxigênio, como o açaizeiro e o buriti, e a várzea alta, cujo solo é menos influenciado pelas águas das cheias e apresenta maior biomassa.[1] Nela ocorrem espécies arbóreas, como a sumaúma, açacu, andiroba e copaíba.[1]

Tal classificação foi feita de acordo com o nível topográfico, composição química do solo e composição botânica.[1]

Na classificação do IBGE (2012), pode ser enquadrada nas categorias floresta ombrófila densa aluvial e floresta ombrófila aberta aluvial.

Fauna e flora[editar | editar código-fonte]

O pirapitinga é uma espécie de peixes que se alimenta de frutos na floresta de várzea[2]

A floresta de várzea apresenta menor diversidade de plantas do que a floresta em terra firme, pois poucas espécies conseguem sobreviver às inundações sazonais. Porém, a fauna de peixes que habitam na região é extensa. Na época das inundações, os peixes conseguem adentrar na floresta, encontrando abrigo e abundância de nutrientes. Além disso, nessa época do ano, estes peixes são conhecidos por comerem frutos. Na época de seca, os peixes são obrigados a retornar para rios ou lagos remanescentes.

Recursos naturais[editar | editar código-fonte]

As atividades da floresta de várzea são principalmente o extrativismo vegetal, principalmente do açaí e a exploração madeireira. Além disso, há também o cultivo de arroz, milho e cana-de-açúcar na região.[3]

Floresta inundável de açaí

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c Adm. do site (2006). «Floresta de várzea». Pará: Cultura, Fauna e Flora. Consultado em 1 de maio de 2013 
  2. Maia, Lúcia. «PRODUÇÃO DE FRUTOS DE ESPÉCIES DA FLORESTA DE VÁRZEA DA AMAZÔNIA CENTRAL IMPORTANTES NA ALIMENTAÇÃO DE PEIXES» (PDF) 
  3. «Floresta de Várzea». Cristalino Lodge 
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.