Fluminense Football Club (futebol feminino)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Fluminense
FFC escudo.svg
Nome Fluminense Football Club
Alcunhas Guerreiras do Fluzão
Fundação 11 de outubro de 2018 (3 anos)
Estádio Laranjeiras
Capacidade 8.000 lugares
Localização Rio de Janeiro, RJ
Presidente Mário Bittencourt
Treinador(a) Ricardo Silva
Patrocinador(a) UniVassouras
Material (d)esportivo Umbro
Competição Carioca
Brasileiro A2
Ranking nacional Aumento 32.º lugar, 3 008 pontos[1]
Website www.fluminense.com.br
Temporada atual

O Fluminense Football Club (futebol feminino) é a equipe de futebol feminino do Fluminense, clube que tem sede na cidade do Rio de Janeiro, capital do estado homônimo. A equipe foi criada em 2018, e acumula dois títulos nas categorias de base.

História[editar | editar código-fonte]

A criação do departamento de futebol feminino do Fluminense, foi anunciada em 11 de outubro de 2018, após o clube fechar uma parceria com o Daminhas da Bola, de Duque de Caxias.[2][3][4] A criação da modalidade foi devido a uma obrigação da CBF e da CONMEBOL, que entraria em vigência em 2019, para que as equipes tenham times femininos de futebol.[5][6][7]

No seu primeiro ano na modalidade, o clube conseguiu chegar nas oitavas de final da Série A2 e foi vice-campeão carioca.[8][9][10] A mesma situação se repetiu em 2020 e 2021.[11][12][13][14]

Em 20 de março de 2021, as Guerreirinhas conquistaram o primeiro título da história da equipe feminina do Fluminense, o título veio após o clube vencer nas penalidades o Internacional pelo Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino Sub-18, válido pela edição de 2020.[15][16][17] O segundo título na base veio em novembro do mesmo ano, quando o clube venceu Flamengo nas penalidades, pelo Carioca Sub-18.[18][19][20]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Participações em 2022
Competição Temporadas Melhor campanha Estreia Última
Rio de Janeiro Campeonato Carioca 4 Vice-campeão (2019, 2020 e 2021) 2019 2022
Brasil Campeonato Brasileiro – Série A2 4 Oitavas de final (2019, 2020 e 2021) 2019 2022

Títulos[editar | editar código-fonte]

NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino Sub-18 1 2020
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Campeonato Carioca de Futebol Feminino Sub-18 1 2021

Referências

  1. Gutierrez, Rafael (14 de janeiro de 2022). «Em crescimento, equipe de futebol Feminino do Fluminense sobe oito posições no ranking da CBF». Saudações Tricolores. Consultado em 19 de julho de 2022 
  2. «Fluminense fecha parceria para ter futebol feminino em 2019». Website oficial do Fluminense Football Club. 11 de outubro de 2018. Consultado em 19 de julho de 2022 
  3. Burlá, Léo (11 de outubro de 2018). «Fluminense cumpre exigências e fecha parceria por time feminino em 2019». Universo Online. Consultado em 19 de julho de 2022 
  4. «Fluminense fecha parceria para ter futebol feminino em 2019». Lance!. 11 de outubro de 2018. Consultado em 19 de julho de 2022 
  5. Alves, Camila (4 de janeiro de 2019). «Montar time feminino é exigência para equipes da Série A 2019; veja situação dos clubes». GE. Consultado em 19 de julho de 2022 
  6. Kampff, Andrei (27 de abril de 2019). «CBF obrigou e grandes clubes passaram a investir em futebol feminino». Universo Online. Consultado em 19 de julho de 2022 
  7. Kampff, Andrei (29 de maio de 2020). «Clubes que acabarem com time feminino podem não disputar a Libertadores». Universo Online. Consultado em 19 de julho de 2022 
  8. «Grêmio goleia Fluminense e vai para as quartas do Brasileirão Série». Lance!. 25 de maio de 2019. Consultado em 19 de julho de 2022 
  9. de Medeiros, Renata (25 de maio de 2019). «Com direito a gol de letra, Grêmio faz 5 a 0 no Fluminense e está nas quartas da Série A2 feminina». GZH. Consultado em 19 de julho de 2022 
  10. «Fluminense é vice-campeão do Estadual Feminino». Website oficial do Fluminense Football Club. 16 de novembro de 2019. Consultado em 19 de julho de 2022 
  11. «Fortaleza vence o Fluminense nos pênaltis e avança às quartas do Brasileiro Feminino A2». GE. 28 de novembro de 2020. Consultado em 19 de julho de 2022 
  12. Ribeiro, Emanuelle (20 de março de 2021). «Botafogo domina Fluminense, vence por 2 a 0 em casa e é campeão carioca feminino». GE. Consultado em 19 de julho de 2022 
  13. «Real Ariquemes-RO vence nos pênaltis e elimina o Fluminense no Brasileirão Feminino A2». GE. 4 de julho de 2021. Consultado em 19 de julho de 2022 
  14. «Flamengo vence o Fluminense nos pênaltis e é campeão do Carioca Feminino». GE. 26 de novembro de 2021. Consultado em 19 de julho de 2022 
  15. «É campeão! Fluminense vence Internacional nos pênaltis e conquista Brasileirão Sub-18 Feminino». GE. 20 de março de 2021. Consultado em 19 de julho de 2022 
  16. «Nos pênaltis, Fluminense vence o Internacional e conquista o Brasileirão Feminino Sub-18». OneFootball. 21 de março de 2021. Consultado em 19 de julho de 2022 
  17. «Fluminense vence o Internacional nos pênaltis e conquista o Brasileiro Feminino Sub-18». Lance!. 20 de março de 2021. Consultado em 19 de julho de 2022 
  18. «Fluminense bate Flamengo nos pênaltis e fica com o título do Carioca Sub-18 no feminino». GE. 8 de dezembro de 2021. Consultado em 19 de julho de 2022 
  19. «Fluminense vence o Flamengo, nos pênaltis, e conquista o título do Carioca feminino Sub-18». UOL. 8 de dezembro de 2021. Consultado em 19 de julho de 2022 
  20. «Fluminense vence o Flamengo, nos pênaltis, e conquista o título do Carioca feminino Sub-18». Lance!. 8 de dezembro de 2021. Consultado em 19 de julho de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]