Fluoreto de zinco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fluoreto de zinco
Alerta sobre risco à saúde
Zinc-fluoride-3D-balls.png
Identificadores
Número CAS 7783-49-5,
13986-18-0 (tetrahydrate)
PubChem 24551
ChemSpider 22957
Número RTECS ZH3200000
SMILES
InChI
1/2FH.Zn/h2*1H;/q;;+2/p-2
Propriedades
Fórmula molecular ZnF2
Massa molar 103.406 g/mol (anhydrous)
175.45 g/mol (tetrahydrate)
Aparência Agulhas brancas
Higroscopicas
Densidade 4.95 g/cm3 (anhydrous)
2.30 g/cm3 (tetrahydrate)
Ponto de fusão

872 °C (anhydrous)
100 °C, decomp (tetrahydrate)

Ponto de ebulição

1500 °C (anhydrous)

Solubilidade em água .000052 g/100 mL (anhydrous)
1.52 g/100 mL, 20 °C (tetrahydrate)
Solubilidade parcialmente soluvel em HCl, HNO3, ammonia
Estrutura
Estrutura cristalina tetragonal (anhydrous), tP6
Grupo de espaço P42/mnm, No. 136
Riscos associados
NFPA 704
NFPA 704.svg
0
2
1
 
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Fluoreto de zinco é um composto de zinco de fórmula ZnF2. Se forma pela reação de óxido ou hidróxido de zinco com ácido fluorídrico ou pela reação do metal com o ácido ou ainda por reações de dupla troca. Fluoreto de zinco é um sólido branco pouco solúvel em água.

Básico[editar | editar código-fonte]

Fluoreto de zinco (ZnF2) é um composto químico inorgânico. Ele é encontrado como a forma anidra e também como o tetrahidrato, ZnF2.4 H2O (estrutura cristalina romboédrica). Ele tem um alto ponto de fusão e tem a estrutura cristalina do rutilo contendo átomos de zinco hexacoordenados, o que sugere caráter iônico apreciável em sua ligação química.[1] Ao contrário dos outros haletos de zinco, ZnCl2, ZnBr2 e ZnI2, não é muito solúvel em água.[1]

Preparação e reações[editar | editar código-fonte]

Fluoreto de zinco pode ser sintetizada de várias formas.

1. Reação de um sal de fluoreto com cloreto de zinco, para produzir fluoreto de zinco e um sal de cloreto, em solução aquosa

2. A reação do zinco metálico com flúor gasoso.

3. Reação do ácido fluorídrico com zinco, para produzir gás hidrogênio (H2) e fluoreto de zinco (ZnF2).

Fluoreto de zinco pode ser hidrolisada por água quente para formar o fluoridróxido de zinco, Zn(OH)F.[2]

Referências

  1. a b Verevkin, A.; Pearlman, A.; Slstrokysz, W.; Zhang, J.; Currie, M.; Korneev, A.; Chulkova, G.; Okunev, O.; Kouminov, P.; Smirnov, K.; Voronov, B.; N. Gol'tsman, G.; Sobolewski, Roman (2004). "Ultrafast superconducting single-photon detectors for near-infrared-wavelength quantum communications". Journal of Modern Optics 51 (12): 1447–1458. doi:10.1080/09500340410001670866.
  2. Studies on metal hydroxy compounds. I. Thermal analyses of zinc derivatives ε-Zn(0H)2, Zn5(OH)8C12.H20, β- ZnOHC1, and ZnOHF, K SRIVASTAVA, EA SECCO - Canadian Journal of Chemistry, 1967 579-583
Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.