Football Manager

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Football Manager
Gênero(s) Esporte
Desenvolvedora(s) Sports Interactive
Publicadora(s) Sega
Plataformas Windows, macOS, Linux, iOS, Android, PlayStation Portable, PlayStation Vita, Nintendo Switch, Xbox 360, Stadia, Xbox One, Xbox Series X/S
Primeiro título Football Manager 2005
5 de novembro de 2004
Último título Football Manager 2022
8 de novembro de 2021
Página oficial
Portal Portal de jogos eletrônicos

Football Manager (também conhecido como Worldwide Soccer Manager na América do Norte de 2004 a 2008) é uima série de jogos eletrônicos de simulação e gerenciamento de futebol desenvolvidos pela Sports Interactive e publicados pela Sega. A série começou como Championship Manager, mas o lançamento "fiasco" de CM4 em 2003 causou um rompimento entre a Sports Interactive e a Eidos Interactive levando à perda dos direitos do nome da série pela desenvolvedora. A empresa reteve, porém, o motor de jogo e seus dados, alterou o título da série para Football Manager e fez um acordo com a publicadora Sega.[1]

Série principal[editar | editar código-fonte]

Football Manager 2005[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2005

Football Manager 2006[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2006

Football Manager 2007[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2007

Football Manager 2008[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2008

Football Manager 2009[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2009

Football Manager 2010[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2010

Football Manager 2011[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2011

Football Manager 2012[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2012

Football Manager 2013[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2013

Football Manager 2014[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2014

Football Manager 2015[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2015

Football Manager 2016[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2016

Football Manager 2017[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2017

Football Manager 2018[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2018

Football Manager 2019[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2019

Football Manager 2020[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2020

Football Manager 2021[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2021

Football Manager 2022[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Football Manager 2022

Outros jogos[editar | editar código-fonte]

Football Manager Mobile[editar | editar código-fonte]

Football Manager Mobile, conhecido inicialmente como Football Manager Handheld, foi lançado em 13 de abril de 2006 para PlayStation Portable.[2] Esse foi o primeiro jogo da Sports Interactive para um console portátil e foi criado para ser um jogo separado e funcionar de forma diferente das versões do jogo para computadores. Ele foi projetado para se assemelhar a produtos mais antigos da Sports Interactive, sendo muito mais rápido por natureza mas mantendo a simulação realista.[3][4] Assim como a série principal, o jogo também segue uma lógica de lançamento anual.[5][6]

Em 2010, o jogo foi lançado pela primeira vez para iOS. Esta versão contém uma interface de usuário diferente da de PSP devido à natureza da plataforma.[7] Em 2012, ele também foi lançado para Android em uma versão similar à para iOS.[8] A edição de 2016 do jogo alterou seu nome para Football Manager Mobile.[9]

Football Manager Live[editar | editar código-fonte]

Em 20 de abril de 2007, a Sega e a Sports Interactive revelaram detalhes para Football Manager Live, que seria um jogo multijogador massivo online.[10] O jogo foi lançado pela internet em 2008 e fisicamente no Reino Unido em janeiro de 2009.[11][12][13] Um dia da comunidade foi realizado em 12 de dezembro de 2008, onde o futuro da série e outros assuntos relacionados foram discutidos com fãs que foram ao evento.[14] Em 14 de maio de 2011, foi anunciado que Football Manager Live seria descontinuado e todos os servidores seriam fechados no fim de maio.[15]

Football Manager Online[editar | editar código-fonte]

Em 2014, a Sega revelou os detalhes de Football Manager Online, um novo jogo multijogador massivo online para o mercado da Coreia do Sul.[16]

Sonic & All-Stars Racing Transformed[editar | editar código-fonte]

Football Manager é representada em Sonic & All-Stars Racing Transformed com um personagem selecionável chamado "Football Manager", sendo exclusivo da a versão do jogo para Windows.[17]

Influência[editar | editar código-fonte]

Football Manager foi reconhecido por clubes de futebol reais como uma fonte para observar jogadores. Em 2008, o Everton Football Club assinou um contrato com a Sports Interactive permitindo que eles usassem a base de dados do jogo para observar jogadores e a oposição.[18]

Um documentário intitulado Football Manager: More Than Just A Game foi produzido pelo estudante de jornalismo Stephen Milnes e lançado em outubro de 2010.[19] Outro documentário da FilmNova intitulado An Alternative Reality: The Football Manager Documentary foi lançado nos cinemas do Reino Unido em outubro de 2014 e na Steam em março de 2015.[20][21]

Football Manager celebrou seu vigésimo aniversário no verão de 2012 e, para comemorar esta data, a Back Page Press publicou um livro incluindo entrevistas com os criadores e jogadores que se tornaram lendas no jogo. Outra parte do livro inclui histórias sobre como o jogo tomou conta da vida de algumas pessoas.[22]

Em novembro de 2012, o estudante azeri Vugar Huseynzade foi promovido a treinador do time reserva do FC Baku graças a seu sucesso em Football Manager.[23][24]

Em 2013, o comediante de stand-up Tony Jameson apresentou um espetáculo chamado Football Manager Ruined My Life (lit. "Football Manager arruinou a minha vida"); ele foi bem recebido no Edinburgh Festival antes de ir em uma turnê de sucesso culminando no lançamento do espetáculo em DVD e pela Steam.[25][26]

Na década de 2000, um jogador anônimo de Football Manager deu uma dica à Federação de Futebol das Filipinas sobre a eligibilidade de Phil Younghusband e James Younghusband para jogar para a seleção filipina de futebol masculino no jogo. Em 2005, os irmãos que na época eram parte do programa de jovens do Chelsea Football Club foram convocados para a seleção. Mais tarde, Phil se tornaria o maior goleador para a seleção das Filipinas com mais de 50 gols em seu nome.[27]

Em 2020, um pesquisador para a base de dados de Football Manager descobriu que Ben Brereton do Blackburn Rovers Football Club era metade chileno através de uma entrevista com o clube de 2018 e adicionou sua segunda nacionalidade à base do jogo.[28] Brereton seria chamado frequentemente para a seleção chilena de futebol em Football Manager 2021, o que levou ao interesse de um streamer chileno de Football Manager.[29] Brereton foi encorajado pelo técnico do Chile Reinaldo Rueda e iniciou o processo para a obtenção de um passaporte chileno.[30] Martín Lasarte, que sucedeu Rueda em fevereiro de 2021, convocou o jogador pela primeira vez em maio daquele ano. Ele foi um reserva nos dois jogos do Chile nas qualificatórias para a Copa do Mundo em junho antes de estreiar entrando como reserva na Copa América contra a Argentina.[31]

Referências

  1. Dransfield, Ian (26 de maio de 2018). «The history of Championship Manager and Football Manager». PC Gamer (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  2. Overington, Matt. «Football Manager Handheld review: Football Manager Handheld». CNET (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  3. «Football Manager Handheld 2007». Eurogamer.net (em inglês). 6 de dezembro de 2006. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  4. «Football Manager Handheld 2008». www.pocketgamer.com (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  5. «Football Manager Handheld 2008». Eurogamer.net (em inglês). 14 de janeiro de 2008. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  6. «Worldwide Soccer Manager 2009 Review». GameSpot (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  7. «Football Manager Handheld 2010 Hits iPhone». AppAdvice (em inglês). 14 de abril de 2010. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  8. «"Football Manager Handheld 2012" arriving on Android on April 11». Android Authority (em inglês). 7 de abril de 2012. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  9. Vasile, Cosmin (8 de setembro de 2015). «SEGA Announces Football Manager Mobile 2016 for Android & iOS». softpedia (em english). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  10. «Football Manager Live Hands-On». GameSpot (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  11. «Football Manager Live: how the ultimate management sim became an MMORPG». the Guardian (em inglês). 17 de março de 2008. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  12. «'Back Of The Net' It's Football Manager Live». Football Manager Live. Consultado em 28 de setembro de 2022. Arquivado do original em 1 de outubro de 2007 
  13. «Football Manager Live». Eurogamer.net (em inglês). 20 de janeiro de 2009. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  14. «FM Live Community Day - London». CM Revolution. 24 de dezembro de 2008. Consultado em 28 de setembro de 2022. Arquivado do original em 30 de julho de 2012 
  15. Orry, James (14 de abril de 2011). «Football Manager Live to close down». VideoGamer.com (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  16. «Football Manager Online». Sports Interactive. 5 de dezembro de 2014. Consultado em 28 de setembro de 2022. Arquivado do original em 11 de outubro de 2014 
  17. Nichols, Scott (18 de janeiro de 2013). «Football Manager character in Sonic racer». Digital Spy (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  18. «Everton signs Football Manager database». Eurogamer.net (em inglês). 17 de novembro de 2008. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  19. «Football Manager: More Than Just A Game». FM Scout (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  20. Sykes, Tom (14 de setembro de 2014). «Football Manager documentary heading to UK cinemas next month». PC Gamer (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  21. «An Alternative Reality: The Football Manager Documentary no Steam». Steam Store. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  22. «Football Manager Stole My Life». FM Scout (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  23. Martin, Liam (21 de novembro de 2012). «Football Manager fan lands managerial job». Digital Spy (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  24. «Student lands job running football team thanks to Football Manager on the computer». Yahoo! Sport. 20 de novembro de 2012. Consultado em 28 de setembro de 2022. Arquivado do original em 28 de novembro de 2012 
  25. «Review: Tony Jameson: Football Manager Ruined My Life, The Stand, Newcastle». The Journal. 14 de novembro de 2014. Consultado em 28 de setembro de 2022. Arquivado do original em 14 de novembro de 2014 
  26. Jameson, Tony. «Merch». Consultado em 28 de setembro de 2022. Arquivado do original em 31 de outubro de 2018 
  27. Averilla, Earl (17 de outubro de 2018). «When Football Manager helped The Azkals renaissance». Fox Sports. Consultado em 28 de setembro de 2022. Arquivado do original em 18 de outubro de 2018 
  28. Crooke, Jaquob (11 de novembro de 2021). «Meet the man who helped Ben Brereton on his way to Chile stardom». LancsLive (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  29. «#Brereton a La Roja. – Álvaro Pérez.». Revista Chapman (em espanhol). 28 de julho de 2021. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  30. «Copa America 2021: Stoke born striker Ben Brereton dubbed messiah in Chile after first goal| All Football». AllfootballOfficial (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2022 
  31. «Ben Brereton Diaz: How the Blackburn striker became Chile's cult hero». ESPN.com (em inglês). 10 de novembro de 2021. Consultado em 28 de setembro de 2022