Força Aérea de Autodefesa do Japão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Roundel da Força Aérea de Autodefesa do Japão.
Bandeira da Força Aérea de Autodefesa do Japão.

Força Aérea de Autodefesa do Japão (航空自衛隊, Kōkū Jieitai?) é a atual é a força aérea do Japão. A Força Aérea de Autodefesa do Japão mantém uma rede integrada de instalações de radar e centros de defesa em todo o país.[1] A nação conta com interceptor de aviões-caça e mísseis terra-ar para interceptar aeronaves hostis. Ambos os sistemas foram melhorados a partir dos anos 1980. Aviões obsoletos foram substituídos no início de 1990 por modelos mais sofisticados, e mísseis Nike-J foram sendo substituídos por novos sistemas Patriot. Essencialmente, porém, o país conta com as forças dos Estados Unidos para fornecer capacidade de intercepção.[1]

História[editar | editar código-fonte]

747-400
F-2
F-15J
F-4
E-767
UH60J
U-125A
C-1
C-2

Com a derrota na Segunda Guerra Mundial o Japão abriu mão incondicionalmente de todas suas forças armadas. A Constituição proíbe o Japão do pós-guerra de manter as forças militares e de levar a guerra para resolver disputas internacionais.[2]

Apesar da cláusula anti-guerra, a Polícia Nacional Reserva foi criada em 1950 durante a ocupação do Japão pelos Aliados (1945-1952) para substituir as tropas americanas que foram enviadas para a Guerra da Coréia. A Polícia Nacional foi transformada em Forças de Autodefesa do Japão pelo governo japonês em 1954.[2]

As Forças de Autodefesa do Japão foram divididos em três ramos militares:[2]

Inventário de aeronaves[editar | editar código-fonte]

A Força Aérea de Autodefesa do Japão opera 805 aviões, dos quais 424 são aviões de combate.

Avião Origem Tipo Versões Em serviço Notas
Avião de combate
Mitsubishi F-2  Japão Caça
Treinamento
F-2A
F-2B
62
32
94 + 4 protótipos fabricado pela Mitsubishi
F-4 Phantom II  Estados Unidos
 Japão
Caça
Reconhecimento
F-4EJ
RF-4E
91
26
2 F-4EJ e RF-4 foram fabricados pelos E.U.A e o restante foi fabricado pela Mitsubishi sob licença. RF-4 a versão começou a ser eliminado; número equivalente de F-15 para receber radar de abertura sintética.
F-15 Eagle  Estados Unidos
 Japão
Caça
Treinamento
F-15J
F-15DJ
165
48
2 F-15J's e 12 F-15DJ foram fabricados pelos E.U.A e o restante foi fabricado pela Mitsubishi sob licença.
Avião de treinamento
Fuji T-7  Japão Treinamento 49 fabricado pela Fuji
Raytheon Hawker 400  Estados Unidos Treinamento T-400 13
Kawasaki T-4  Japão Treinamento 208 fabricado pela Kawasaki
Avião de transporte
Boeing 747  Estados Unidos VIP transport (Japanese Air Force One/Two) 747-400 2
Gulfstream IV  Estados Unidos Transporte VIP U-4 5
Boeing 767  Estados Unidos Reabastecimento aerotransportado KC-767J 4
Kawasaki C-1  Japão Transporte tático
Guerra Eletrônica
C-1A
EC-1
25
1
fabricado pela Kawasaki
C-130 Hercules  Estados Unidos Transporte tático C-130H 16
NAMC YS-11  Japão Transporte YS-11 13 fabricado pela Mitsubishi
British Aerospace BAe 125  Reino Unido VIP transport/Sar U-125A 32
AEW
Boeing 767  Estados Unidos Sistema Aéreo de Alerta e Controle E-767 4
Grumman E-2 Hawkeye  Estados Unidos Alerta Aéreo Antecipado E-2C 13
Helicóptero de transporte/Helicóptero de Busca e Salvamento
Mitsubishi H-60  Estados Unidos
 Japão
Busca e Salvamento UH-60J 45 3 UH-60J foram construídos pelos E.U.A e restantes UH-60Js criados pela Mitsubishi sob licença.
Boeing CH-47 Chinook  Estados Unidos
 Japão
Helicóptero de transporte CH-47J 15 Construídos pela Kawasaki sob licença.

Outros equipamentos[editar | editar código-fonte]

Futuros Equipamentos[editar | editar código-fonte]

Aeronaves Tipo Versão Quantidade Notas
Mitsubishi ATD-X Demonstrador de Tecnologia - - Primeiro voo previsto em 2014.[9]
Kawasaki C-2 Transporte tático - 2 é esperado a produção de 30 a 50 unidades, 6 unidades encomendadas orçamento 2012.[10]
F-X Fighter - - Em 20 de dezembro de 2011 o governo japonês anunciou a compra de 42 F-35A[11]
Northrop Grumman RQ-4 Global Hawk UAV - - Japão interessado no Global Hawk [12]
Boeing 787 Dreamliner VIP transport (Japanese Air Force One/Two) - - Devido ao alto custo de manutenção dos 747 e as restrições para pousar em aeroportos pequenos se pretende substitui-los pelo 787 em 2018. [13]

Bandeira[editar | editar código-fonte]

A Força Aérea de Autodefesa do Japão (FAAJ), estabelecida independentemente em 1952, tem apenas o disco solar como seu emblema.[14] Esse é o único ramo com um emblema que não invoca os raios solares do padrão imperial. Entretanto, há uma bandeira para uso em bases e em paradas. A bandeira foi criada em 1972, sendo a terceira usada pela FAAJ desde sua criação. A bandeira contém a insígnia da FAAJ em um fundo azul.[15]

Referências

Legislação[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Força Aérea de Autodefesa do Japão
Ícone de esboço Este artigo sobre o Japão é um esboço relacionado ao Projeto Ásia. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.