Força G (animação)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura outros significados para Força G ou G Force, veja G Force.
G-Force
Força G (PRT/BRA)
Pôster de divulgação no Brasil.
 Estados Unidos
2009 •  cor •  88 min 
Direção Hoyt H. Yeatman Jr.
Produção Jerry Bruckheimer
Ted Elliott (Associado)
Ed Kashiba (Associado)
Terry Rossio (Associado)
Pat Sandston (Associado)
Produção executiva Duncan Henderson
David P.I James
Chad Oman
Mike Stenson
Roteiro The Wibberleys
História Hoyt H. Yeatman Jr.
David James
Elenco Bill Nighy
Nicolas Cage
Zach Galifianakis
Música Trevor Rabin
Cinematografia Bojan Bazelli
Edição Jason Hellmann
Mark Goldblatt
Companhia(s) produtora(s) Jerry Bruckheimer Films
The Donners' Company
Distribuição Walt Disney Pictures
Lançamento Estados Unidos 24 de julho de 2009
Brasil 14 de agosto de 2009
Portugal 1º de outubro de 2009
Idioma língua inglesa
Orçamento US$ 150 milhões[1]
Receita US$ 292.817.841[1]
Site oficial

G-Force (br/pt: Força G[2][3][4][5]) é um filme estadunidense, do gênero animação computadorizada em 3D de 2009. Escrito por Cormac e Marianne Wibberley, produzido e dirigido por Richard Donner, foi lançado nos Estados Unidos em 24 de julho de 2009 e alcançou o número 1 nas bilheterias, com US $ 30 milhões.

Enredo[editar | editar código-fonte]

O filme gira em torno de uma equipe treinada de agentes secretos animais: Darwin, o Capitão (Sam Rockwell) (chefe de equipe), Juarez (Penélope Cruz) (artes marciais), Blaster (Tracy Morgan) (armas e transporte), Speckles, o toupeira (Nicolas Cage) (ciber inteligência), e Mooch voador (vigilância de alta tecnologia) (Edwin Louis). A equipe assume uma missão para o FBI para deter o mau bilionário Leonard Saber, que pretende destruir o mundo com os aparelhos domésticos que possuem capacidade de se comunicar com humanos. Antes que eles possam cumprir sua missão, o governo cancela a operação e eles estão condenados a um pet shop. Darwin, Juarez, Blaster, Mooch, e seus novos amigos Hurley (Jon Favreau) e o hamster Bucky (Steve Buscemi) conseguem escapar da jaula do pet shop, apesar de Speckles ter sido acidentalmente jogada em um caminhão de lixo numa suposta tentativa de fuga. A Força-G, em seguida, retorna ao seu identificador, Ben, que lhes fornece os meios para se infiltrar na mansão de Saber, e planta um vírus no computador que irá ativar os eletrodomésticos. Enquanto a equipe está instalando o vírus, a consequente batalha separa o grupo, deixando apenas Darwin para concluir a instalação do vírus. Ao mesmo tempo, Leonard Saber está chocado ao descobrir que seus aparelhos se tornaram máquinas de matar. Quando Darwin termina de instalar o vírus, ele descobre que Speckles, cuja casa e família tinha sido destruída pelo homem, é o mentor do plano. Speckles destrói a mansão Saber com uma maquina gigante e ameaça os humanos que ali em frente estavam. Darwin consegue convencer Speckles de que a sua nova família é o resto da equipe e Ben, que consegue encerrar o programa de eletrodomésticos. No final do filme, as cobaias são feitos todos os agentes especiais do FBI, Saber começa a reconstruir sua mansão, e Speckles é encarregado de remover o vírus de todos os chips de produtos de Leonard Saber.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Vozes[editar | editar código-fonte]

Videogame[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: G-Force (jogo)

O jogo baseado no filme foi lançado para PlayStation 3, PlayStation 2, Xbox 360, Wii, PlayStation Portable, Nintendo DS e Microsoft Windows em 21 de julho de 2009.[6] As versões para PS3 e Xbox 360 vem com óculos 3D.

Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. a b «G-Force (2009)». Box Office Mojo. Consultado em 21 de junho de 2011 
  2. Força G (em português) no CineCartaz (Portugal)
  3. Força G (em português) no AdoroCinema (Brasil)
  4. Força G no SapoMag (Portugal)
  5. Força G no CinePlayers (Brasil)
  6. «Disney Interactive Studios deploys G-Force on mission to retail shelves». Disney Interactive Studios. 21 de julho de 2009. Consultado em 21 de julho de 2009 
Ícone de esboço Este artigo sobre animação é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.