Forças de Defesa Nacional (Síria)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Forças de Defesa Nacional
Participante na Guerra Civil Síria
Datas 1 de novembro de 2012 - presente
Ideologia Nacionalismo sírio
Pró-Assad
Secularismo
Anti-islamismo
Organização
Parte de Syria Armed Forces Emblem.svg Forças Armadas da Síria
Líder Brigadeiro General Hawash Mohammed
Orientação
religiosa
Sunismo
Xiismo
Cristianismo
Alauítas
Drusos
Sede Damasco,  Síria
Área de
operações
Síria
Efetivos 90,000 a 100,000
Antecessor(es)
anterior
Comités Populares
Shabiha
Relação com outros grupos
Aliados  Irão
 Rússia
Hezbollah
Inimigos Flag of the Islamic State of Iraq and the Levant2.svg Estado Islâmico do Iraque e do Levante
Flag of Hayat Tahrir al-Sham.svg Tahrir al-Sham
Flag of Syria (1932-1958; 1961-1963).svg Exército Livre da Síria

As Forças de Defesa Nacional (árabe: قوات الدفاع الوطني‎‎ Quwāt ad-Difāʿ al-Watanī; inglês: National Defence Forces, NDF) são uma milícia, formada em 2012, organizada e apoiada pelo governo sírio de Bashar al-Assad[1].

História[editar | editar código-fonte]

Após o início da Guerra Civil Síria, diversas milícias pró-Bashar al-Assad surgiram pelo país, como os Comités Populares ou as temidas milícias Shabiha[2].

Com a fundação das NDF, o governo sírio pretendeu unificar todas as milícias pró-Assad sob um único comando, bem como, criar uma força paramilitar, baseada no ingresso voluntário, para assim, permitir que apoiantes do governo aderissem ao grupo[1].

A NDF, rapidamente, cresceu em influência militar, tornando-se uma poderosa organização, sendo, entretanto, integrada no Exército Árabe Sírio, bem como, vários dos seus membros serem integrados no aparato da segurança do governo Assad[1].

Apesar de analistas no Ocidente acusarem as NDF de serem uma organização sectária alauíta[1], na verdade, as NDF têm atraído membros sunitas, cristãos, drusos, além de alauítas, que se juntam às NDF para se defenderem do Estado Islâmico[1].

Apoio externo[editar | editar código-fonte]

A criação das NDF foram, fortemente, apoiadas pelas Forças Quds do Irão[1]. Analistas afirmam que as Forças Quds apoiaram a criação desta organização, pretendo modelar este grupo conforme as forças Basij do Irão[1].

O Hezbollah, também foi fundamental para a criação das NDF, treinando e armando muito dos seus membros[1].

Referências

  1. a b c d e f g h «Institutionalized 'Warlordism': Syria's National Defense Force - Jamestown». Jamestown (em inglês) 
  2. «Syria unrest: Who are the shabiha?». BBC News (em inglês). 29 de maio de 2012