For Crimin' Out Loud

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
For Crimin' Out Loud
 Estados Unidos
1956 •  pb •  15 min 
Direção Jules White
Roteiro Felix Adler
Edward Bernds
Elenco Moe Howard
Larry Fine
Shemp Howard
Barbara Bartay
Emil Sitka
Duke York
Ralph Dunn
Christine McIntyre
Charles Knight
Género comédia
Idioma inglês

For Crimin' Out Loud é um curta-metragem estadunidense de 1956, dirigido por Jules White. É o 170º filme de um total de 190 da série com os Três Patetas produzida pela Columbia Pictures entre 1934 e 1959. Esse foi o último filme de Shemp Howard.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Os Três Patetas são detetives particulares da Agência Milagrosa (conforme dublagem brasileira, cujo nome é explicado como "se desvendarmos o crime será um milagre") e são contratados pelo milionário John Goodrich (chamado pela dublagem brasileira de "Conselheiro Pardal", interpretado por Emil Sitka) que suspeita que sua sobrinha (Christine McIntyre) tenha se associado a bandidos e planeja matá-lo. Ele dá aos Patetas o endereço de sua mansão e o trio se dirige para lá com equipamento de detetive. Quando estão na mansão, os Patetas sofrem diversos atentados feitos pelos bandidos enquanto procuram pelo milionário: Shemp bebe um líquido envenenado enquanto Moe e Larry são perseguidos por um monstruoso bandido enquanto outro dispara balas de revólver contra eles. O trio descobre que Goodrich ainda vive mas no final há uma grande luta contra os bandidos num quarto com as luzes apagadas. Shemp consegue nocautear os vilões usando uma pá da lareira mas ao explicar aos companheiros como fizera, ele os desacorda também. Então ele próprio se bate com a pá na cabeça e o filme termina com todos nocauteados.

Notas[editar | editar código-fonte]

  • For Crimin' Out Loud é uma refilmagem de Who Done It? de 1949, com uso de muitas cenas do original.[1]
  • Esse foi o último filme lançado da série com os Três Patetas no qual Shemp aparece em cenas inéditas. Ele faleceu em 22 de novembro de 1955, após ter ido com amigos assistir a uma luta de boxe no Hollywood Legion Stadium. Shemp voltava para casa em North Hollywood de taxi acompanhado do amigo Al Winston. Ao acender um charuto, ele de repente desmaiou, queimando o companheiro com o charuto. Ele sofrera um enfarte no miocárdio e faleceu aos 60 anos de idade.[1]
  • Os primeiros cinco minutos do filme são de cenas inéditas, filmadas em 30 de junho de 1955. O restante da produção (exceto um closeup de Shemp após ser envenenado) são filmagens antigas reaproveitadas.[1]
  • O título do filme parodia a expressão em inglês "For crying out loud!" (algo como "bradar aos céus" e o trocadilho significaria "criminosos altos").[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d Solomon, Jon (2002). The Complete Three Stooges: The Official Filmography and Three Stooges Companion. [S.l.]: Comedy III Productions, Inc. 479 páginas. ISBN 0971186804