Francis Ngannou

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Francis Ngannou
Francis Ngannou photo.jpg
Ngannou em 2017
Informações
Nascimento 5 de setembro de 1986 (31 anos)
Batié, Camarões
Nacionalidade camaronês
francês
Outros nomes The Predator
Altura 1,93 m[1]
Peso 120 kg
Divisão Peso Pesado
Envergadura 211 cm[2]
Luta por Las Vegas, Nevada
Equipe MMA Factory
Período em
atividade
2013–presente
Cartel nas artes marciais mistas
Total 13
Vitórias 11
Por nocaute 7
Por finalização 4
Derrotas 2
Por decisão 2
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog
última atualização: 24 de janeiro de 2018

Francis Ngannou (Batié, 5 de setembro de 1986) é um lutador francês-camaronês de MMA, que atualmente compete na divisão peso-pesado do Ultimate Fighting Championship.

Início[editar | editar código-fonte]

Nascido em Batié, Camarões, Ngannou emigrou para a França com sua família quando ainda era uma criança. Fã de Mike Tyson e boxe, Ngannou, inicialmente, estava interessado em se tornar um boxeador, até que ele começou a treinar na academia MMA Factory, em Paris.ref>http://mmajunkie.com/?p=203372</ref>

Carreira no MMA[editar | editar código-fonte]

Ngannou competiu principalmente em organizações regionais, em vários locais por toda a Europa, acumulando um cartel de 5-1, finalizando ou nocauteando todos os seus adversários, antes de assinar com o UFC, em agosto de 2015.[3]

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Ngannou fez sua estréia na promoção contra o também estreante Luis Henrique, em 19 de dezembro de 2015, no UFC on Fox: dos Anjos vs. Cerrone II.[4] Ele ganhou a luta por nocaute no segundo round.[5]

Ngannou enfrentou o estreante na promoção, Curtis Blaydes, em 10 de abril de 2016, no UFC Fight Night: Rothwell vs. dos Santos.[6] Ele ganhou a luta por nocaute técnico, devido à uma interrupção médica, entre o segundo e o terceiro round.[7]

Ngannou enfrentou outro recém-chegado: Bojan Mihajlović, em 23 de julho de 2016 no UFC on Fox: Holm vs. Shevchenko.[8] Ele ganhou a luta por nocaute técnico no primeiro round.[9]

No dia 2 de dezembro de 2017, pelo UFC 218, Ngannou aplica um nocaute brutal sobre Alistair Overeem então N°1 do ranking dos pesados, a vitória no primeiro round o credenciou a disputa do cinturão da categoria, contra Stipe Miocic.[10]

A disputa pelo cinturão contra Stipe Miocic foi realizada em 20 de janeiro de 2018, no UFC 220. Em uma luta de cinco rounds, Francis Ngannou foi derrotado por decisão unânime dos juízes.[11]

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Estados Unidos Derrick Lewis UFC 226: Miocic vs. Cormier 07/07/2018 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Derrota 11-2 Estados Unidos Stipe Miocic Decisão (unânime) UFC 220: Miocic vs. Ngannou 20/01/2018 5 5:00 Estados Unidos Boston, Massachusetts Pelo Cinturão Peso Pesado do UFC.
Vitória 11-1 Países Baixos Alistair Overeem Nocaute (soco) UFC 218: Holloway vs. Aldo II 02/12/2017 1 1:42 Estados Unidos Detroit, Michigan
Vitória 10-1 Bielorrússia Andrei Arlovski Nocaute Técnico (socos) UFC on Fox: Shevchenko vs. Peña 28/01/2017 1 1:32 Estados Unidos Denver, Colorado Performance da Noite.
Vitória 9-1 Estados Unidos Anthony Hamilton Finalização (kimura) UFC Fight Night: Lewis vs. Abdurakhimov 09/12/2016 1 1:57 Estados Unidos Albany, New York Performance da Noite.
Vitória 8-1 Sérvia Bojan Mihajlović Nocaute Técnico (socos) UFC on Fox: Holm vs. Shevchenko 23/07/2016 1 1:44 Estados Unidos Chicago, Illinois
Vitória 7-1 Estados Unidos Curtis Blaydes Nocaute Técnico (interrupção médica) UFC Fight Night: Rothwell vs. dos Santos 10/04/2016 2 5:00 Croácia Zagreb
Vitória 6-1 Brasil Luis Henrique Nocaute (socos) UFC on Fox: dos Anjos vs. Cerrone II 19/12/2015 2 2:53 Estados Unidos Orlando, Flórida
Vitória 5-1 Brasil William Baldutti Nocaute Técnico (socos) KHK MMA National Tryouts: Finale 2015 28/05/2015 2 1:22 Bahrein Madinat 'Isa
Vitória 4-1 Suíça Luc Ngeleka Finalização (guilhotina em pé) SHC 10: Carvalho vs. Belo 20/09/2014 1 0:44 Suíça Genebra
Vitória 3-1 França Nicolas Specq Finalização (katagatame) 100% Fight 20: Comeback 05/04/2014 2 2:10 França Levallois
Vitória 2-1 Bélgica Bilal Tahtahi Nocaute (socos) 100% Fight 20: Comeback 05/04/2014 1 3:58 França Levallois
Derrota 1-1 França Zoumana Cisse Decisão (unânime) 100% Fight: Contenders 21 14/12/2013 2 5:00 França Paris
Vitória 1-0 França Rachid Benzina Finalização (chave de braço) 100% Fight: Contenders 20 30/11/2013 1 1:44 França Paris

Referências

  1. «Francis Ngannou». UFC.com. Consultado em 19 de janeiro de 2018 
  2. «Francis Ngannou». fightmetric.com. Consultado em 10 de maio de 2016 
  3. Simon, Zane (12 de agosto de 2015). «Welcome to the UFC Francis Ngannou». bloodyelbow.com. Consultado em 12 de agosto de 2015 
  4. Staff (2 de setembro de 2015). «Debuting heavyweights Luiz Henrique, Francis Ngannou meet at UFC on FOX 17 in Orlando». mmajunkie.com. Consultado em 2 de setembro de 2015 
  5. John Morgan (19 de dezembro de 2015). «UFC on FOX 17 results: Francis Ngannou smashes Luis Henrique with uppercut». mmajunkie.com. Consultado em 19 de dezembro de 2015 
  6. Staff (14 de março de 2016). «Curtis Blaydes in for Bojan Mihajlovic against Francis Ngannou at UFC Fight Night 86». mmajunkie.com. Consultado em 14 de março de 2016 
  7. Damon Martin (10 de abril de 2016). «Francis Ngannou beats Curtis Blaydes after nasty eye injury stops the fight». foxsports.com. Consultado em 10 de abril de 2016 
  8. Staff (17 de maio de 2016). «Francis Ngannou vs. Bojan Mihajlovic added to UFC on FOX 20 in Chicago». mmajunkie.com. Consultado em 17 de maio de 2016 
  9. Steven Marrocco (23 de julho de 2016). «UFC on FOX 20 results: Francis Ngannou pounds out Bojan Mihajlovic in 94 seconds». mmajunkie.com. Consultado em 23 de julho de 2016 
  10. Combate.com (3 de dezembro de 2017). «Francis Ngannou atropela Alistair Overeem no primeiro round e enfrentará Miocic». sportv.globo.com. Consultado em 24 de janeiro de 2018 
  11. Combate.com (21 de janeiro de 2018). «Miocic vence Ngannou por pontos e quebra recorde de defesas de título nos pesados». sportv.globo.com. Consultado em 24 de janeiro de 2018