Francisco Tárrega

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Francisco Tárrega
Francisco Tárrega (1852-1909)
Nascimento 21 de novembro de 1852
Vila-real
Morte 15 de dezembro de 1909 (57 anos)
Barcelona
Cidadania Espanha
Ocupação compositor, violonista, pedagogo
Gênero literário Música clássica
Magnum opus Recuerdos de la Alhambra

Francisco de Asís Tárrega Eixea (Vila-real, 21 de novembro de 1852Barcelona, 15 de dezembro de 1909) foi um importante violonista espanhol que revolucionou a composição para violão.[1][2]

Tárrega também teve suas habilidades musicais questionadas quando defendeu uma metodologia diferente da que era usada em sua época. Segundo ele, o toque realizado pela mão direita no violão deveria ser feita num ângulo de 90º, e com a parte "macia" do dedo, ou seja, a unha não deveria ser utilizada. Tárrega justificava essa metodologia afirmando que o toque do dedo "nu" causava uma sensação de maior "controle emocional" e técnico da obra em execução.

Sua mais famosa canção não é conhecida integralmente pela maioria das pessoas, entretanto, todos já ouviram um pedaço. Trata-se da "Gran Vals" (Grande Valsa) que é o toque padrão da empresa de telefonia celular Nokia.

Foi professor da virtuosa violonista espanhola, Josefina Robledo Gallego .[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Francisco Tárrega biografia» 
  2. «Francisco Tárrega» 
  3. Llàcer, Miquel (2009). «Retrat de Josefina Robledo» (PDF). godella.es. Consultado em 14 de agosto de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre músico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.