Francisco de Assis Oliveira Maciel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Francisco de Assis Oliveira Maciel
Morte 1888
Cidadania Brasil
Ocupação político

Francisco de Assis Oliveira Maciel (? — 30 de março de 1888) foi magistrado e político brasileiro.

Foi presidente das províncias do Ceará, de 7 de dezembro de 1872 a 11 de setembro de 1873, e de Pernambuco, de 15 de novembro de 1877 a 15 de fevereiro de 1878.

Condecorado cavaleiro da Imperial Ordem de Cristo por decreto de 6 de julho de 1866 por seus relevantes serviços em Aracati, Ceará, onde era juiz de direito, por ocasião da enchente do rio Jaguaribe, entre 16 e 23 de abril daquele ano[1]. Também foi juiz de direito da comarca de Ipu, no Ceará[2]

Oficial da Imperial Ordem da Rosa por decreto de 17 de julho de 1872[3].

Foram-lhe concedidas honras de desembargador por decreto de 23 de agosto de 1873[4].

Foi casado com Maria Carlota Viana Maciel[5], falecida em 8 de setembro de 1907[6], com quem não teve filhos.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  1. Fala com que o exmo. sr. dr. Francisco de Assis Oliveira Maciel abriu a 2ª sessão da 21ª legislatura da Assembléia Provincial do Ceará no dia 7 de julho de 1873
  2. Relatório com que o exmo. sr. dr. Francisco de Assis Oliveira Maciel passou a administração da província do Ceará ao exmo. sr. 1º vice-presidente comendador Joaquim da Cunha Freire no dia 11 de setembro de 1873
  3. Relatório com que o exmo. sr. desembargador Francisco de Assis Oliveira Maciel passou a administração desta província ao exmo. sr. dr. Adelino Antônio de Luna Freire em 15 de fevereiro de 1878


Precedido por
Esmerino Gomes Parente
Presidente da província do Ceará
18721873
Sucedido por
Joaquim da Cunha Freire
Precedido por
Manuel Clementino Carneiro da Cunha
Presidente da província de Pernambuco
18771878
Sucedido por
Adelino Antônio de Luna Freire


Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.