Frankenstein and the Monster from Hell

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Frankenstein and the Monster from Hell
Frankenstein e o Monstro do Inferno (PRT/BRA)
 Reino Unido
1974 •  cor •  99 min 
Direção Terence Fisher
Roteiro John Elder
Elenco Peter Cushing
Shane Briant
Madeline Smith
Género terror
Música James Bernard
Idioma inglês

Frankenstein and the Monster from Hell é um filme britânico de terror, dirigido por Terence Fisher e produzido pela Hammer Film Productions. É estrelado por Peter Cushing, Shane Briant e David Prowse. Filmado no Elstree Studios, em 1972, só foi liberado em 1974 como capítulo final da saga de filmes da Hammer, assim como é o último filme do diretor Fisher.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Predefinição:Spoilers O idoso Barão Victor Frankenstein (Cushing) está alojado em um asilo de loucos, no qual exerce a função de cirurgião e tem uma série de privilégios, como por exemplo informações secretas sobre Adolf Klauss, diretor corrupto e pervertido do asilo (John Stratton). O Barão, sob o pseudônimo de Dr. Carl Victor, usa a sua posição para continuar suas experiências na criação do homem. Quando Simon Helder (Briant), um jovem médico, chega ao asilo, o Barão fica impressionado com os talentos de Helder e decide torná-lo seu aprendiz. Juntos, eles trabalham no projeto de uma nova criatura. Sem o conhecimento de Simon, no entanto, Frankenstein promove a aquisição de partes de corpos de seus pacientes assassinados.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Peter Cushing (Barão Victor Frankenstein/Dr. Carl Victor)
  • Shane Briant (Dr. Simon Helder)
  • Madeline Smith (Sarah)
  • David Prowse (Criatura/Herr Schneider)
  • Norman Mitchell (sargento da polícia)
  • Clifford Mollison (juiz)
  • Philip Voss (Ernst)
  • Christopher Cunningham (Hans)
  • Charles Lloyd (Professor Durendel)

Produção[editar | editar código-fonte]

  • Esta foi a sexta e última vez que Peter Cushing interpretou o papel do Barão Frankenstein, o qual estreou, em 1957, em The Curse of Frankenstein. Cushing se notabilizou em toda a sua carreira por sua atenção meticulosa aos detalhes, até mesmo no manejo planejado e no uso de adereços. Para esse filme, ele ajudou a projetar a peruca que ele usava[1].
  • David Prowse faz a sua segunda aparição como uma criação de Frankenstein, a primeira ocorreu em The Horror of Frankenstein. Ele é o único ator a ter feito o papel da criatura pela Hammer mais de uma vez. Na sessão de comentários do DVD Prowse disse que conseguia se vestir e tirar a máscara em cerca de 30 minutos[1].
  • O lançamento do filme no Brasil em VHS, DVD e blu-ray permanece inédito.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Hearn, Marcus; Barnes, Alan (September 2007). "Demons of the Mind". The Hammer Story: The Authorised History of Hammer Films (Limited ed.). Titan Books. ISBN 1 84576 185 5.

Referências

  1. a b Marcus Hearn & Alan Barnes, The Hammer Story: The Authorised History of Hammer Films, Titan Books, 2007 p. 161 Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "hearn" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes