Franklin MacVeagh

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Franklin MacVeagh
45º Secretário do Tesouro dos Estados Unidos
Período 8 de março de 1909
a 5 de março de 1913
Presidente William Howard Taft
Antecessor(a) George B. Cortelyou
Sucessor(a) William Gibbs McAdoo
Dados pessoais
Nascimento 22 de novembro de 1837
Phoenixville, Pensilvânia,
Estados Unidos
Morte 6 de julho de 1934 (96 anos)
Chicago, Illinois,
Estados Unidos
Progenitores Mãe: Margaret Lincoln
Pai: John MacVeagh
Alma mater Universidade Yale
Universidade Columbia
Esposa Emily Eames
Partido Republicano
Religião Metodista
Profissão AdvogadoMerceeiroBanqueiro

Franklin MacVeagh (Phoenixville, 22 de novembro de 1837Chicago, 6 de julho de 1934) foi um advogado, merceeiro e banqueiro norte-americano que serviu como o 45º Secretário do Tesouro dos Estados Unidos entre 1909 e 1913 durante a presidência de William Howard Taft.

MacVeagh trabalhou durante 29 anos como o diretor do Banco Nacional Comercial de Chicago, sendo convidado por Taft para assumir a liderança do Departamento do Tesouro dos Estados Unidos mesmo tempo poucas experiências reais com finanças. Como secretário ele deixou para a Comissão Monetária Nacional a tarefa de abordar o problema da reforma monetária, mesmo assim afirmando que uma reforma era algo urgente.[1]

Ele aplicou uma administração de negócios ao Departamento do Tesouro, promovendo eficiência e economia. MacVeagh também aboliu 450 cargos desnecessários a fim de aprimorar o funcionamento do órgão e comissionou em 1909 a firma York and Sawyer para estudar a eficiência no departamento, que resultou no rearranjo dos escritórios e aumento da segurança.[1]

Referências

  1. a b «Franklin MacVeagh (1909 - 1913)». Departamento do Tesouro dos Estados Unidos. Consultado em 12 de fevereiro de 2017. 
Ícone de esboço Este artigo sobre um político dos Estados Unidos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.