Franz Josef Jung

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Franz Josef Jung, 2014

Franz Josef Jung (Eltville-Erbach, 5 de março de 1949) é um político alemão, afiliado à CDU.

Foi Ministro da Defesa entre novembro de 2005 e outubro de 2009 no Governo Merkel I. No Governo Merkel II é o atual Ministro do Trabalho e da Solidariedade Social. Em 27 de novembro de 2009 renunciou do cargo por causa de uma polêmica em torno da ocultação de informação sobre um ataque aéreo no Afeganistão ordenado por tropas alemãs, quando ainda era ministro da Defesa.[1] Jung será sucedido por Ursula von der Leyen, a atual ministra da Família, Pessoas Idosas, Mulheres e Jovens.[2]

É doutorado em direito. Católico, é casado e tem 3 filhos.

Referências

  1. folha.uol.com.br, 27/11/09: Ministro alemão renuncia após escândalo sobre Afeganistão, acessado em 27 de novembro de 2009
  2. spiegel.de, 27/11/09: Von der Leyen wird Arbeitsministerin, acessado em 27 de novembro de 2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Franz Josef Jung


Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.