Frederico Augusto III da Saxônia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Frederico Augusto III
Rei da Saxônia
Reinado 15 de outubro de 1904
a 13 de novembro de 1918
Antecessor(a) Jorge I
Sucessor(a) Monarquia abolida
 
Nascimento 25 de maio de 1865
  Dresden, Saxônia
Morte 18 de fevereiro de 1932 (66 anos)
  Szczodre, República de Weimar
Sepultado em Hofkirche, Dresden, Alemanha
Nome completo  
Frederico Augusto João Luís Carlos Gustavo Gregório Filipe
Esposa Luísa da Áustria-Toscana
Descendência Jorge, Príncipe Herdeiro
Frederico Cristiano, Marquês de Meissen
Ernesto da Saxônia
Margarida da Saxônia
Maria Alice da Saxônia
Ana da Saxônia
Casa Wettin
Pai Jorge I da Saxônia
Mãe Maria Ana de Portugal
Religião Catolicismo

Frederico Augusto III (Dresden, 25 de maio de 1865 – Szczodre, 18 de fevereiro de 1932), foi o Rei da Saxônia de 1904 até sua abdicação em 1918 no final da Primeira Guerra Mundial. Era o filho mais velho do rei Jorge I da Saxônia, e de sua esposa, a infanta Maria Ana de Portugal. Ele subiu ao trono após a morte de seu pai em 1904 e participou da Primeira Guerra Mundial, como governante de um reino federado dentro do Império Alemão. Ele abdica em 13 de novembro de 1918, após o triunfo da revolução alemã.[1][2][3]

Casamento e filhos[editar | editar código-fonte]

Em 21 de novembro de 1891, em Viena, Frederico Augusto desposou a arquiduquesa e princesa Luísa de Áustria-Toscana; eles se divorciaram em 1903, depois que ela fugiu grávida de sua última filha, a qual teria sido, na verdade, filha biológica de André Giron, tutor dos filhos do casal. Porém, o rei a reconheceu como filha.

Os dois filhos mais velhos não são gêmeos; Frederico Augusto nasceu em janeiro e Frederico Cristiano, em dezembro.

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Frederico Augusto III da Saxônia

Referências

  1. Morby, John (2014). Dynasties of the World (em inglês). Oxford: Oxford University Press. p. 514. ISBN 9780192518484 
  2. Ross, Martha; Spuler, Bertold (1977). Rulers and Governments of the World (em inglês). 3. New Providence: Bowker. p. 706 
  3. Women in World History: Aak-Azz (em inglês). Waterford: Yorkin Publications. 1999. p. CIII