Free (canção de Natalia Kills)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Free"
Single de Natalia Kills com participação de will.i.am
do álbum Perfectionist
Lançamento 28 de junho de 2011
Formato(s) CD single, download digital
Gênero(s) Synthpop, power pop
Duração 3:57 (versão do álbum)
4:29 (versão de single)
Gravadora(s) will.i.am, Cherrytree, Interscope
Composição Natalia Kills, Jeff Bhasker, Scott Mescudi, Dion Wilson
Produção Jeff Bhasker
Cronologia de singles de Natalia Kills
"Champagne Showers"
(2011)
"Kill My Boyfriend"
(2012)
Cronologia de singles de will.i.am
"Check It Out"
(2010)

"Free" é uma canção da cantora inglesa Natalia Kills contida no seu álbum de estreia, Perfectionist (2011). Foi composta por Kills, Scott Mescudi, Dion Wilson e Jeff Bhasker, com produção do último.[1] Para a sua versão como o terceiro single do disco,[2] foi distribuída com a participação do músico will.i.am em 28 de junho de 2011.[3][4]

Uma faixa de synthpop e power pop com extratos de "Wuthering Heights", de Kate Bush, tem em sua letra descrito o período quando a artista não tinha dinheiro, mas mesmo assim sentia-se feliz. A sua recepção foi positiva, embora tenha notado a aparição de will.i.am desnecessária. O seu vídeo inspirado em uma sessão fotográfica de moda é uma homenagem ao consumismo exagerado. "Free" entrou em tabelas musicais da Áustria, da Alemanha, da Eslováquia e das regiões belgas Valônia e Flandres nos quarto, 11.°, 17.°, 19.° e 20.° lugares, respectivamente.

Antecedentes e composição[editar | editar código-fonte]

Natalia Kills revelou que compôs "Free" quando trabalhava como garçonete,[5] mas estava sem dinheiro e procurava por uma maneira de pagar o aluguel de seu apartamento, embora estivesse feliz e comentou: "Quando eu saía, me sentia incrível e queria que todos soubessem que estilo não está relacionado com a quantidade de dinheiro que você ganha ou onde faz compras. Nós deveríamos estar livres de nossas posses e não deixar coisas materiais nos possuirem ou afetarem a nossa felicidade."[6]

É uma faixa de synthpop de que contém extratos de "Wuthering Heights", de Kate Bush.[7][8] A sua letra refere-se à falta de dinheiro da cantora, a qual "gaba-se descaradamente" de sua situação na canção, considerada um "hino de power pop inspirador".[9]

Recepção crítica[editar | editar código-fonte]

Lewis Corner, do portal Digital Spy, deu quatro estrelas de cinco à faixa e foi positivo em relação a sua produção, considerada cativante, e por estar em nível de canções contemporâneas. Todavia, criticou a participação de will.i.am e a sua distribuição, acompanhada de um "vídeo controverso", por ter sido "cuidadosamente planejada".[10]

Vídeo musical[editar | editar código-fonte]

A mensagem de gastar dinheiro exageradamente é expressa no vídeo, incluindo na cena onde Kills aparece em uma caixa cheia de notas.[11][12]

O vídeo de "Free" foi lançado em 4 de julho de 2011.[12] Quando perguntada sobre a sua inspiração, Natalia Kills disse ter sido "uma sessão de fotos da Vogue... em ácido".[13] A gravação sem um roteiro muito elaborado é uma homenagem ao consumismo excessivo e foi feita em sua maioria com um plano de fundo branco.[14][11]

Começa com Kills sentada em uma televisão que apresenta will.i.am fazendo rap com seus versos.[14] Após, cenas da cantora dançando em uma motocicleta e dentro de uma caixa de vidro cheia de dinheiro são mostradas, incluindo a qual ela aparece com o seu cabelo "inspirado em Cleópatra" pegando fogo enquanto segura uma braçada de notas.[12][14][11] Momentos em que Kills maneja uma motosserra e imagens intercaladas de will.i.am em preto e branco também aparecem na gravação;[14][11] mensagens como "Você é o que veste", "Dinheiro é tudo" e "Você pode comprar felicidade" também são disponíveis no vídeo.[14] A troca de roupas de alta-costura da artista foi notada, que envolve um terno preto de látex, uma longa saia com um sutiã e compridos sapatos de striptease.[12][11]

Uma nova versão do vídeo será exibida em televisões da marca Panasonic através da tecnologia em imagem 3D com o modelo VIERA 3D. A exposição terá início em outubro em lojas mundiais.[15]

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

Download digital[3]
N.º Título Duração
1. "Free" (com will.i.am) 4:29
CD single[16]
N.º Título Duração
1. "Free" (com will.i.am) (edição de rádio) 4:15
2. "Free" (com will.i.am) (The Bimbo Jones Radio Edit) 3:52
Extended play (EP) digital[17]
N.º Título Duração
1. "Free" (com will.i.am) 4:29
2. "Free"   3:57
3. "Free" (com will.i.am) (Moto Blanco Club Mix) 7:34
4. "Free" (com will.i.am) (The Bimbo Jones Radio Edit) 3:50

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Tabela (2011) Melhor
posição
 Alemanha (Media Control AG)[18] 17
 Bélgica (Flandres) (Ultratip)[19] 20
 Bélgica (Valônia) (Ultratip)[19] 19
 Eslováquia (IFPI)[20] 11
 Países Baixos (MegaCharts)[19] 96
 República Checa (IFPI)[21] 50
 Áustria (Ö3 Austria Top 40)[22] 4

Referências

  1. (2011) Créditos do álbum Perfectionist por Natalia Kills, pg. 2. will.i.am, Cherrytree, Kon Live, Interscope, Bozdaya, Dandyville (B004R0N0TM).
  2. «Assista a "Free", o novo clipe de Natalia Kills com Will.i.am». Billboard Brasil. 5 de julho de 2011. Consultado em 28 de agosto de 2011 
  3. a b «Free (feat. will.i.am) - Single by Natalia Kills» (em inglês). iTunes Store (Apple, Inc.). Consultado em 13 de agosto de 2011 
  4. Medeiros, Kavad (29 de junho de 20011). «"Free": Novo single de Natalia Kills tem participação de will.i.am do Black Eyed Peas». PopLine. MTV Brasil (UOL). Consultado em 13 de agosto de 2011  Verifique data em: |data= (ajuda)
  5. Chapman, Alex (13 de julho de 2011). «Natalia Kills on Will.i.am, Bill Clinton, Her 'F--k You Pop' Music». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2011 
  6. Eddy, Colton (19 de agosto de 2011). «Interview: Natalia Kills talks New Album, New Tour and Amy Winehouse» (em inglês). andPOP. Consultado em 19 de agosto de 2011 
  7. O'Brien, Jon (2011). «Perfectionist - Natalia Kills - AllMusic» (em inglês). Allmusic. Consultado em 13 de agosto de 2011 
  8. «EdgeBoston.com on 'Perfectionist'» (em inglês). Cherrytree Records. 10 de agosto de 2011. Consultado em 19 de agosto de 2011 
  9. Copsey, Robert; Corner, Lewis (1º de agosto de 2011). «Playlist: 10 tracks you need to hear» (em inglês). Digital Spy. Consultado em 26 de agosto de 2011 
  10. Corner, Lewis (28 de agosto de 2011). «Natalia Kills feat. will.i.am: 'Free'» (em inglês). Digital Spy. Consultado em 26 de agosto de 2011 
  11. a b c d e Rubenstein, Jenna Hally (5 de julho de 2011). «New Video: Natalia Kills Featuring will.i.am, 'Free'» (em inglês). MTV Buzzworthy Blog (MTV Networks). Consultado em 2 de setembro de 2011 
  12. a b c d «Natalia Kills And Will.i.am Are Born "Free" In Their New Video» (em inglês). Idolator. 4 de julho de 2011. Consultado em 2 de setembro de 2011 
  13. Browne, Jackie. «Musiqtone.com: The Hot Seat: Major - Natalia Kills» (em inglês). Musiqtone. Consultado em 2 de setembro de 2011 
  14. a b c d e Shetler, Scott (5 de julho de 2011). «Natalia Kills and will.i.am Celebrate Money and Fashion in 'Free' Video» (em inglês). PopCrush. Consultado em 2 de setembro de 2011 
  15. «Natalia Kills in 3D» (em inglês). Panasonic. Consultado em 2 de setembro de 2011 
  16. «Free (2-Track): Natalia Kills: Amazon.co.uk: Music» (em inglês). Amazon.co.uk. Consultado em 2 de setembro de 2011 
  17. «Free - EP by Natalia Kills» (em inglês). iTunes Store (Apple, Inc.). Consultado em 19 de agosto de 2011 
  18. «Chartverfolgung / Kills,Natalia / Single» (em alemão). MusicLine. Consultado em 3 de agosto de 2011 
  19. a b c «ultratop.be - Natalia Kills feat. will.i.am - Free» (em neerlandês). Hung Medien. Ultratop. Consultado em 5 de setembro de 2011 
  20. «IFPI SR - Hitparáda - RADIO TOP100 Oficiálna: FREE» (em esloveno). IFPI. Consultado em 2 de setembro de 2011 
  21. «RADIO TOP100 Oficiální: Free (Kills, Natalia)» (em checo). IFPI. Consultado em 11 de outubro de 2011 
  22. «Discographie Natalia Kills - austriancharts.at» (em alemão). Hung Medien. Consultado em 19 de agosto de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]