Friedrich Wilhelm Murnau

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Friedrich Wilhelm Murnau
Nome completo Friedrich Wilhelm Plumpe (nascimento)
Nascimento 28 de dezembro de 1888
Bielefeld, Vestfália
 Império Alemão
Morte 11 de março de 1931 (42 anos)
Santa Barbara, Califórnia
 Estados Unidos
Ocupação Cineasta
Principais trabalhos

Friedrich Wilhelm Murnau, ou simplesmente F. W. Murnau, nascido Friedrich Wilhelm Plumpe (Bielefeld, 28 de dezembro de 1888  — Santa Bárbara, 11 de março de 1931), foi um dos mais importantes realizadores do cinema mudo, do cinema expressionista alemão e do movimento Kammerspiel.

Nascido em Bielefeld, seu nome de batismo é Friedrich Wilhelm Plumpe. Antes de ser cineasta, Murnau estudou filosofia, literatura, música, e história das Artes nas universidades de Heidelberg e Berlim. Frequentou a escola de arte dramática de Max Reinhhardt, que exerceu grande influência em seu estilo cinematográfico.[1]

Iniciou a carreira no cinema em 1919. Em 1920, realizou uma versão do O Médico e o Monstro de Robert L. Stevenson, Der Januskopf. Em 1922, filmou Nosferatu, um dos clássicos do expressionismo no cinema. Em 1924, realizou o filme “O último Homem” e Fausto, baseado na obra do escritor Goethe, em 1926. A obra-prima de Murnau foi o filme Aurora, em 1927, considerado um dos pontos altos do cinema ocidentaldo.[2]

O cineasta morreu aos 42 anos em um acidente de carro na Califórnia, e foi sepultado em seu país de origem. [3]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Produções alemãs[editar | editar código-fonte]

Produções norte-americanas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre cineastas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.