Géza Maróczy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Maróczy
Informações pessoais
Nome completo Géza Maróczy
Nascimento 3 de março de 1870[1]
Szeged, atual Hungria[1]
Nacionalidade  Áustria-Hungria
Morte 29 de maio de 1951 (81 anos)[1]
Títulos Grande Mestre (1950)
Conquistas
Nuremberga 1896 (3º)
Monte Carlo 1901 (1º)
Monte Carlo 1903 (2º)
Monte Carlo 1904 (1º)
Carlsbad 1907 (2º)
Viena 1908 (1-3º)
Medalhas
Olimpíada de Xadrez
Ouro Londres 1927 Equipes
Ouro Haia 1928 Equipes

Géza Maróczy (Szeged, 3 de março de 1870 - Budapeste, 28 de maio de 1951) foi um proeminente enxadrista e teórico do xadrez húngaro, engenheiro e professor de aritmética e geometria descritiva. Recebeu um grande número de prêmios de brilhantismo e realizou importantes contribuições para a teoria das aberturas, com a formação Maróczy Bind. Foi o mestre de Vera Menchik e organizador de importantes eventos como o Campeonato Mundial de Xadrez de 1935.[2]

Principais resultados em torneios[editar | editar código-fonte]

Data Local Colocação Observações
1896 Nuremberga 1896 2 Vencido por Emanuel Lasker, com Harry Pillsbury em terceiro e Siegbert Tarrasch em quarto.[3]
1899 Londres 1899 2-4 Vencido por Emanuel Lasker, Maroczy empatou com Harry Pillsbury e Dawid Janowski em segundo.[4]
1900 Paris 1900 4 Vencido por Emanuel Lasker, com Harry Pillsbury em segundo e Frank Marshall em terceiro.[5]
1902 Monte Carlo 1902 1 Com Harry Pillsbury em segundo, Dawid Janowski em terceiro e Richard Teichmann em quarto.[6]
1903 Monte Carlo 1903 2 Vencido por Dawid Janowski, com Harry Pillsbury em terceiro e Carl Schlechter em quarto.[7]
1904 Monte Carlo 1904 1 Com Carl Schlechter em segundo, Frank Marshall em terceiro e Isidor Gunsberg em quarto.[8]
1905 Oostende 1905 1 Com Dawid Janowski em segundo, Siegbert Tarrasch em terceiro e Carl Schlechter em quarto.[9]
1907 Carlsbad 1907 1 Vencido por Akiba Rubinstein, com Paul Saladin Leonhardt em terceiro e Aron Nimzowitsch em quarto.[10]
1923 Carlsbad 1923 3 Vencido por Alexander Alekhine e com Efim Bogoljubow em segundo.[11]

Referências

  1. a b c Golombek (1977), p.192
  2. Sunnucks, (1976), p.308
  3. «Nuremberg 1896» (em inglês). Consultado em 20 de dezembro de 2010 
  4. «London 1899» (em inglês). Consultado em 16 de janeiro de 2016 
  5. «Touenament and Match record» (em inglês). Consultado em 28 de janeiro de 2016 
  6. «Monte Carlo 1902» (em italiano). Cópia arquivada desde o original em 8 de janeiro de 2016. Consultado em 8 de janeiro de 2016 
  7. «1903 Monte Carlo». Consultado em 7 de janeiro de 2016 
  8. «1904 Monte Carlo». Consultado em 7 de janeiro de 2016 
  9. «Gentlemen on the Seaside» (em inglês). Consultado em 17 de dezembro de 2010 
  10. «Carlsbad 1907» (em inglês). Consultado em 10 de janeiro de 2016 
  11. «Calrsbad 1923» (em inglês). Consultado em 12 de janeiro de 2016 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • GOLOMBEK, Harry. Golombek's Encyclopedia of chess (em inglês). 1ª ed. São Paulo: Trewin Copplestone Publishing, 1977. ISBN 0-517-53146-1

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre enxadrismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.